Robert Zemeckis negocia dirigir nova versão de Pinóquio para a Disney

A Disney está negociando com o cineasta Robert Zemeckis para que ele assuma sua versão live-action da animação clássica “Pinóquio” (1940). Segundo a revista Variety, Zemeckis ainda não fechou contrato, mas vem estudando o projeto desde o início do semestre e teria feito algumas sugestões no roteiro.

Embora tenha se focado em dramas adultos nos últimos anos — seus filmes mais recentes foram “O Voo”, “Travessia”, “Aliados” e “Bem-vindos a Marwen” —, Zemeckis também já teve uma fase voltada à animação e até trabalhou com a Disney num clássico híbrido, “Uma Cilada para Roger Rabbit”, em 1988.

Originalmente, o filme seria dirigido por Paul King (“Paddington 2”) e destacaria Gepeto, o velho marceneiro que cria o boneco de madeira. Magicamente, o boneco ganha vida e passa a desejar virar um menino de verdade.

Zemeckis estaria interessado em participar do processo de escolha do elenco, já que o nome de Tom Hanks, ventilado para o papel, teria sido descartado de acordo com a publicação. O veterano cineasta dirigiu Hanks em dois de seus filmes mais bem-sucedidos, “Forest Gump” (1994) e “O Náufrago” (2000).

O maior entrave é o cronograma da Disney, porque Zemeckis já está comprometido com a refilmagem de “Convenção das Bruxas” (The Witches) para a Warner, atualmente em fase de pré-produção.

Para complicar, a Disney não pode protelar as filmagens por receito de enfrentar saturação do tema, uma vez que existem outras adaptações do personagem criado por Carlo Collodi em desenvolvimento.

O cineasta mexicano Guillermo Del Toro (“A Forma da Água”) está desenvolvendo uma animação em stop-motion de “Pinóquio” para a Netflix e o italiano Matteo Garrone (“O Conto dos Contos”) prepara a sua versão com atores reais, em que Gepeto será vivido por Roberto Benigni (que, ironicamente, já viveu Pinóquio em 2002). Havia até uma projeto da Warner que teria Robert Downey Jr. (“Homem de Ferro”) como Gepeto, mas este projeto foi abandonado diante do excesso de concorrentes.