Adiamento dos Novos Mutantes visaria tornar o filme mais assustador

 

O adiamento de quase um ano no lançamento de “Os Novos Mutantes” teria como motivo uma mudança no tom da produção, para torná-la ainda mais assustadora, como um filme de terror. Segundo relatos dos sites The Wrap e Tracking Boad, o filme foi até bem avaliado nas primeiras sessões-teste, mas não impressionou, e por isso a Fox teria decidido aumentar a quantidade de sustos da trama, visando evocar sucessos recentes como “It – A Coisa” e “Corra!”.

Vale observar que toda a publicidade da produção, que já estava a todo vapor, foi focada em destacar os aspectos de terror da trama – inclusive o primeiro trailer divulgado.

Há indicações de que o filme segue uma história clássica dos quadrinhos, envolvendo uma criatura chamada Urso Místico, que se alimenta de pesadelos. Nos gibis da Marvel, ele assombra Danielle Moonstar, a Miragem, vivida no filme por Blu Hunt (a vilã Hollow em “The Originals”).

Os demais integrantes do elenco são Maisie Williams (a Arya Stark, de “Game of Thrones”) como Lupina, Charlie Heaton (série “Stranger Things”) como Míssil, Anya Taylor-Joy (“Fragmentado”) como Magia, o brasileiro Henry Zaga (série “13 Reasons Why”) como Mancha Solar e a brasileira Alice Braga (série “Queen of the South”) como a Dra. Cecilia Reyes.

Dirigido por Josh Boone (“A Culpa É das Estrelas”), o filme teve adiada sua estreia de abril de 2018 para fevereiro de 2019.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

Back to site top
Change privacy settings