Divulgação/Columbia Pictures

Nicolas Cage não pretende assistir filme em que interpreta a si mesmo

O ator Nicolas Cage afirmou que não pretende assistir a seu próximo filme, “The Unbearable Weight of Massive Talent”, no qual interpreta a si mesmo.

“Eu nunca vou ver esse filme”, disse Cage ao site Collider. “Ouvi dizer que é um bom filme. Meu empresário, Mike Nilon, que também é um produtor, assistiu e ficou muito feliz. Eu ouvi dizer que o público amou. Mas é uma viagem muito insana para mim ir ao cinema e me ver interpretando a versão altamente neurótica, ansiosa que Tom Gormican criou de mim”, afirmou Cage, referindo-se ao diretor do longa-metragem.

“Ele ficava me empurrando nessa direção. Eu dizia: ‘Tom, esse não sou eu. Eu sou quieto, meditativo, pensativo. Não sou esse cara neurótico, lidagão e ansioso o tempo todo. Mas ele dizia: ‘O Cage neurótico é o melhor Cage’. Então aceitei: ‘Tudo bem, vamos nessa, cara. Eu não vou assistir, mas espero que você goste”, explicou.

No filme, Nicolas Cage disputa um papel num novo projeto de Quentin Tarantino, enquanto tem que lidar com os problemas da filha adolescente. Ele também começa a demonstrar sintomas de esquizofrenia, ao ocasionalmente conversar com uma versão de si mesmo dos anos 1990, que o humilha por fazer muitos filmes ruins e por não ser mais um grande astro.

Com uma montanha de dívidas para pagar, Cage aceita fazer uma aparição paga na festa de um milionário mexicano, que é um superfã e espera lhe mostrar o roteiro de um filme que gostaria de filmar. Mas a CIA tem outros planos e contata Cage para que ele investigue o milionário, que na verdade comanda um cartel de drogas responsável pelo sequestro da filha de um candidato à presidência dos EUA.

A situação fica ainda mais caótica quando o mexicano traz a filha de Cage e sua ex-mulher para uma reconciliação, e com as vidas de quem ama em risco, Cage decide assumir sua própria lenda, canalizando seus personagens mais icônicos e amados na tela a fim de salvar a si mesmo e seus entes queridos.

O elenco também conta com Pedro Pascal (o “The Mandalorian”) como o bilionário suspeito, além de Neil Patrick Harris (“How I Met Your Mother”), Tiffany Haddish (“Rainhas do Crime”) e Sharon Horgan (“Castrophe”).

Dirigido por Tom Gormican, que também escreveu o roteiro com Kevin Ettan, seu parceiro criativo na série “Ghosted”, o longa será lançado pelo estúdio Lionsgate em abril de 2022.