Supernatural fica sem final devido ao coronavírus

A interrupção das gravações de “Supernatural”, em meio à pandemia de coronavírus, deixou a longeva série dos irmãos Winchester sem fim.

Após longas deliberações, a decisão de suspender as gravações foi tomada na sexta-feira (13/3), no interesse da segurança do elenco e da equipe. Mas a produção ainda tinha algumas semanas para gravar o final da 15ª e última temporada da série.

Com isso, não foi possível realizar o episódio final da saga de Sam (Jared Padalecki) e Dean Winchester (Jensen Ackles). Na verdade, faltaram três episódios completos.

A WBTV (Warner Bros. Television), que ordenou a paralisação de todas as suas séries em andamento, não deu previsão para a retomada dos trabalhos.

Se o intervalo for longo, a transmissão da temporada final de “Supernatural” poderá ser interrompida antes da exibição dos últimos episódios.

O atraso na produção também terá impacto no remake de “Walker, Texas Ranger”, que conta com Jared Padalecki no papel-título. O ator precisaria terminar “Supernatural” antes de iniciar as gravações da nova série. Por sorte, ambas são produções do mesmo canal, a rede The CW, o que permite que a transição entre elas aconteça sem problemas de ordem contratual.