Kit Harington viverá o herói Cavaleiro Negro no filme dos Eternos



A Marvel oficializou o elenco de “Os Eternos” na D23 Expo, a “Comic Con da Disney”, que acontece até domingo (25/8) em Anaheim, na Califórnia. E há uma novidade importante em relação ao grupo apresentando na Comic-Con, em San Diego, no mês passado. Kit Harington, o Jon Snow de “Game of Thrones”, foi incluído na produção.

A participação confirma rumores que circularam um dia antes, sobre uma negociação de Harington para entrar no MCU (Universo Cinematográfico da Marvel). Ele vai interpretar um personagem clássico dos quadrinhos, Dane Whitman. Mas o ator não subiu no palco junto com os demais integrantes do filme.

Isto porque Whitman não é um dos Eternos, os seres superpoderosos que protagonizam o longa, mas o super-herói Cavaleiro Negro, que, inclusive já foi um dos Vingadores. A espada e o cavalo alado usado pela Valquíria nos quadrinhos pertenciam originalmente ao personagem, que é sobrinho de um supervilão homônimo. Volta e meia, o personagem é transportado no tempo, indo parar na era medieval, ou para outra dimensão.

O mais importante para o filme em desenvolvimento é sua relação com Sersi, uma das integrantes mais poderosas dos Eternos, que será vivida por Gemma Chan (a Minn’Erva de “Capitã Marvel”). Os dois formam um par romântico trágico, e Sersi chegou até a integrar os Vingadores por causa desse relacionamento.

Outra curiosidade dessa escalação é que ela irá reunir Harington com seu “irmão” (primos, na verdade) de “Game of Thrones”, Richard Maddin (o Robb Stark), que interpretará Ikaris, o principal herói masculino do grupo dos Eternos.

Os demais integrantes da produção são Angelina Jolie (“Malévola”) como Thena, Kumail Nanjiani (o Dinesh de “Silicon Valley”) como Kingo, Brian Tyree Henry (“Brinquedo Assassino”) como Phastos, Ma Dong-seok (“Invasão Zumbi”) como Gilgamesh, Salma Hayek (“Dupla Explosiva”) como Ajak, Lauren Ridloff (“The Walking Dead”) como Makkari, Barry Keoghan (“Dunkirk”) como Druig e a menina Lia McHugh (“American Woman”) como Sprite, que além de ser homem nos quadrinhos teve seu nome traduzido nas edições brasileiras como Duende.

Os dois atores se juntam a um time de peso que inclui Angelina Jolie (Malévola), Salma Hayek (Frida), Richard Madden (Game of Thrones), Kumail Nanjiani (Doentes de Amor), Brian Tyree Henry (Brinquedo Assassino), Lauren Ridloff (The Walking Dead), Lia McHugh (American Woman) e Don Lee (Invasão Zumbi).

As filmagens ainda não começaram, mas a estreia foi marcada para 6 de novembro de 2020.

O filme será dirigido pela chinesa Chloé Zhao, que nasceu em Pequim, passou sua adolescência em Londres e estudou cinema nos Estados Unidos, onde mora atualmente. Sua filmografia consiste de dois filmes indies muito elogiados pela crítica, os dramas “Songs My Brothers Taught Me” (2015) e “Domando o Destino” (The Rider, 2017), ambos exibidos no Festival de Cannes e premiados no circuito internacional.


Ela é a terceira mulher contratada para comandar um filme da Marvel, após Anna Boden compartilhar a direção de “Capitã Marvel” com o marido, Ryan Fleck, e Cate Shortland (“A Síndrome de Berlim”) ser selecionada para “Viúva Negra”. E, curiosamente, será a segunda chinesa a dirigir um filme de super-heróis, após a Warner colocar Cathy Yan (“Dead Pigs”) à frente de “Aves de Rapina”, o filme que mistura super-heroínas e Arlequina, atualmente em pós-produção.

Veja abaixo uma foto e um vídeo da apresentação do elenco de “Os Eternos” na D23 Expo.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings