George R.R. Martin acredita que Game of Thrones terá mais de um spin-off aprovado

 

O anúncio da encomenda de um piloto de spin-off de “Game of Thrones”, escrito por Jane Goldman (“Kingsman”, “Kick-Ass”, “X-Men: Primeira Classe”), deixou os fãs da série em polvorosa. E também animou o escritor George R.R. Martin, autor dos livros da saga “As Crônicas de Gelo e Fogo” (que inspiraram “Game of Thrones”), a compartilhar novidades sobre outros projetos similares em seu blogue oficial.

“Se vocês vêm acompanhando, sabem que começamos com quatro projetos e, eventualmente, fomos para cinco. Um desses foi arquivado, pelo que pude entender e, é claro, o roteiro de Jane está agora se movendo para o estágio de piloto, mas isso não significa que os outros estejam mortos”.

Ele preferiu não identificar qual projeto de spin-off foi arquivado. Além do piloto de Goldman, mais quatro derivados de “Game of Thrones” receberam encomenda de roteiro, desenvolvidos por Max Borenstein (“Godzilla”, “Kong: A Ilha da Caveira”), Brian Helgeland (“Sobre Meninos e Lobos”, “Robin Hood”), Carly Wray (séries “Westworld” e “The Leftovers”) e Bryan Cogman (roteirista e produtor de “Game of Thrones”). Martin também trabalhou no roteiro de Cogman.

Por outro lado, o escritor revelou que os planos da HBO podem incluir mais de um derivado de “Game of Thrones” – como acontece com o canal pago AMC em relação a “The Walking Dead”.

“Tudo o que me dizem indica que poderíamos gravar pelo menos mais um piloto, e talvez mais de um, nos próximos anos”, disse Martin. “Nós temos um mundo inteiro e dezenas de milhares de anos de história para brincar, afinal de contas. Mas como se trata de televisão, nada é garantido”.

Ainda sem título, o projeto que vai ganhar piloto focará o passado distante de Westeros, mas envolverá ancestrais de heróis conhecidos dos fãs de “Game of Thrones”. A sinopse oficial afirma: “A série retrata o momento em que o mundo passa da Era dos Heróis ao seu pior momento. E uma coisa é certa: dos segredos terríveis da história de Westeros à verdadeira origem dos Caminhantes Brancos, aos mistérios do Leste, aos Starks da lenda… não é a história que achamos que conhecemos”.

Martin contou que sugeriu um título. “Meu voto seria ‘The Long Night’, que diz tudo, mas eu ficaria surpreso se for assim que acabará batizada. É mais provável que a HBO queira incluir a frase ‘Game of Thrones’ em algum lugar do título.”

A sugestão parece confirmar o que muitos fãs já estão imaginando, com base na descrição oficial da HBO: um prólogo que lidaria com a primeira guerra lendária contra os Caminhantes Brancos.

O escritor finalizou os comentários minimizando seu envolvimento no piloto, afirmando que “os elogios devem ir para Jane”, ao reiterar que seu atual foco criativo permanece sendo “Os Ventos de Inverno”, o sexto livro inacabável da saga original.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

Back to site top
Change privacy settings