Divulgação/Court TV

Johnny Depp entra com recurso contra indenização a Amber Heard

O ator americano Johnny Depp entrou na sexta (22/7) com um recurso no processo de difamação movido contra Amber Heard, um dia após sua ex-mulher ter feito o mesmo. Heard recorreu na quinta-feira da decisão final do processo multimilionário que a condenou em US$ 10,35 milhões por difamação contra o ator de Piratas do Caribe.

O ator também foi condenado nesse processo a pagar US$ 2 milhões para Amber Heard por declarações difamatórias. O recurso visa revisar essa decisão. Ele não quer pagar nada – ou, no caso, descontar qualquer centavo que seja do valor da dívida da ex-esposa, desejando receber os US$ 10,35 milhões integrais, em vez de US$ 8,35 milhões.

“O autor e o réu John C. Depp II, através de seu advogado, apela para o tribunal de apelações da Virgínia de todas as decisões adversas e da ordem de julgamento final deste tribunal de circuito emitido em 24 de junho de 2022”, diz o documento entregue ao tribunal de Fairfax, no estado da Vírginia.