Divulgação/Amazon Prime Video

Estreias: As 10 melhores séries da semana

A nova atração épica de Rodrigo Santoro, o último trabalho de Ray Liotta e o melhor desempenho da carreira de Elle Fanning são alguns dos destaques entre os lançamentos de séries das plataformas digitais

Confira abaixo 10 opções selecionadas para aproveitar as melhores novidades da semana.

 

| SEM LIMITES # 1 | AMAZON PRIME VIDEO

 

A produção épica espanhola, estrelada pelo brasileiro Rodrigo Santoro (“Westworld”) e o espanhol Álvaro Morte (“La Casa de Papel”), recria os perigos e desafios da primeira viagem de volta ao mundo, completada há 500 anos.

Na trama, Santoro vive o navegador português Fernão de Magalhães, que liderou a primeira circum-navegação do planeta, quando cinco caravelas partiram da Espanha em 10 de agosto de 1519 em busca de uma rota alternativa para a Índia.

Magalhães acreditava que havia uma passagem ao sul do continente americano pela qual seria possível chegar ao oceano Pacífico e foi o primeiro a encontrá-la, em novembro de 1520, batizando-a com seu nome – o Estreito de Magalhães. Entretanto, a viagem não foi fácil. Ainda no Atlântico, os navios passaram por fortes tempestades, que conduziram à insurreições, culminando na decapitação de um capitão e a desistência de outro, além de testemunhos de fenômenos elétricos (o fogo de Santelmo) confundidos com aparições de santos. Para piorar, após cruzar o Pacífico e chegar na atual Filipinas, foram recebidos com lanças e flechas pelos habitantes das ilhas.

Álvaro Morte interpreta Juan Sebastián Elcano, o segundo em comando, que completou a volta ao mundo em setembro de 1522 na nau Victoria, o único navio a sobreviver à aventura.

O roteiro foi escrito por Patxi Amezcua (“No Mundo da Lua”) e a direção está a cargo de Simon West (“Lara Croft: Tomb Raider” e “Os Mercenários 2”).

 

| BLACK BIRD | APPLE TV+

 

Baseada em uma história real, a minissérie criminal traz Taron Edgerton (“Rocket Man”) como o filho de um policial veterano, que é condenado a 10 anos de prisão por tráfico de drogas. Só que ao começar a cumprir sua pena, o rapaz recebe uma proposta inusitada: liberdade em troca de algumas dias numa prisão povoada por criminosos insanos, onde deve conseguir fazer um serial killer (Paul Walter Hauser, de “O Caso Richard Jewell”) confessar suas mortes antes de ser solto.

Com cenas de muita tensão, dirigidas pelo belga Michaël R. Roskam (“A Entrega”), a atração foi o último trabalho do ator Ray Liotta (“Os Bons Companheiros”), falecido em maio passado. Ele interpreta o pai do protagonista.

Desenvolvida pelo escritor Dennis Lehane, autor dos romances que viraram os filmes “Sobre Meninos e Lobos” (2003), “Medo da Verdade” (2007) e “Ilha do Medo” (2010), “Black Bird” também traz no elenco Greg Kinnear (“Shining Vale”), Sepideh Moafi (“The L Word: Generation Q”), Cecilia Leal (“Manto e Adaga”), Jake McLaughlin (“Quantico”), Alexander Babara (“A Caçada”), Trazi Lashawn (“Treme”), Christopher B. Duncan (“Veronica Mars”) e Robert Diago DoQui (“Terror no Pântano 3”).

Depois da estreia dos dois primeiros episódios (de um total de seis), a plataforma vai disponibilizar um capítulo novo por semana.

 

| THE GIRL FROM PLAINVILLE | STARZPLAY

 

A minissérie de “true crime” traz Elle Fanning (“The Great”) como a adolescente Michelle Carter, que em 2017 foi condenada por homicídio involuntário depois de enviar mensagens de texto para seu namorado encorajando-o a cometer suicídio. Quase irreconhecível, a atriz arrasa no papel, arrancando alguns dos maiores elogios que recebeu na carreira – a produção tem 95% de aprovação no Rotten Tomatoes.

Desenvolvida pelos roteiristas Liz Hannah (“The Post: A Guerra Secreta”) e Patrick Macmanus (“Marco Polo”), a produção também traz no elenco Chloë Sevigny (“We Are Who We Are”), Colton Ryan (“Tio Frank”), Norbert Leo Butz (“Fosse/Verdon”) e Cara Buono (“Stranger Things”).

A estreia está marcada para domingo (10/7) e seguirá com o lançamento de um novo capítulo por semana.

 

| PRISIONEIRO DA MADRUGADA # 1 | NETFLIX

 

O novo thriller espanhol da Netflix se passa durante uma madrugada agitada em uma prisão psiquiátrica. O local é cercada por um grupo de homens fortemente armados, que exige a entrega de um serial killer recém-capturado, ameaçando um banho de sangue. Apesar da desvantagem numérica e de poder de fogo, o diretor da instituição resolve resistir.

Bastante tensa, a série foi desenvolvida por Xosé Morais e Victoriano Sierra Ferreiro, que já tinham criado juntos – e com sucesso – outra série criminal de terror: “Néboa”, exibida em 2020 pela Radio Televisión Española (RTVE).

A minissérie conta com direção de Óscar Pedraza, que chamou atenção pelo visual estiloso de “Sky Rojo”, também lançada pela Netflix, e o elenco destaca Fran Berenguer (“Amar à Distància”), Alberto Ammann (“Narcos: Mexico”), David Solans (“Os Herdeiros da Terra”), César Mateo (“Bem-vindos ao Éden”), José Luis García Pérez (“El Cid”), Luis Callejo (“A Peste”), Roman Rymar (“La Casa de Papel”) e Maria Caballero (“Alma”).

 

| BOO, BITCH # 1 | NETFLIX

 

A comédia adolescente traz Lana Condor, estrela da trilogia “Para Todos os Garotos”, como uma fantasma. Sua personagem viveu a vida inteira fora do radar e, justamente quando decide mudar isso, sofre um acidente e morre – mas volta como um espírito moderno e popular, que tem até conta no Instagram!

A atração de oito episódios começou como um roteiro especulativo (spec) dos curta-metragistas Tim Schauer e Kuba Soltysiak, e ganhou forma de série ao ser retrabalhado por Lauren Iungerich (criadora de “On My Block”) e Erin Ehrlich (roteirista de “Crazy Ex-Girlfriend”). As duas já tinham colaborado em “Awkward.” (criada por Iungerich) na MTV e vão dividir a produção da nova série com a própria Lana Condor.

O elenco também inclui Zoe Colletti (de “The Walking Dead”), Reid Miller (“A Girl Named Jo”), Alyssa Jirrels (“Saved by the Bell”), Tenzing Norgay Trainor (“Liv e Maddie”), Jason Genao (“On My Block”), Conor Husting (“O Príncipe de Peoria”), Savira Windyani (“Amizade Desfeita 2”), Aparna Brielle (“A.P. Bio”) e Austin Fryberger (“Snatchers”), entre outros.

 

| CONTROL Z # 3 | NETFLIX

 

Assim como a espanhola “Elite”, a série mexicana acompanha um grupo de estudantes privilegiados, mas seus elementos lembram mais “Gossip Girl” e “Pretty Little Liars”, com uma pessoa misteriosa expondo segredos e ameaçando os personagens.

Tudo começou quando os alunos mais populares do Colégio Nacional tiveram suas intimidades devassadas por um hacker anônimo. Coube a uma estudante reclusa, Sofia (Ana Valeria Becerril), tomar a iniciativa de descobrir a identidade do chantageador, com resultados trágicos. Apesar disso, as ameaças retornaram misteriosamente na 2ª temporada e, num final intenso envolvendo o dinheiro para pagar o silêncio, uma das personagens sofre uma queda mortal, criando o gancho para os novos episódios.

A série vai acabar após os sobreviventes fazerem um pacto para esconder sua participação na morte da amiga. Sem surpresas, esse segredo alimenta, mais uma vez, a volta do chantageador anônimo.

Criada por Carlos Quintanilla (“Mujeres Asesinas”), Adriana Pelusi (“O Casamento da Vovó”) e Miguel García Moreno (“La Candidata”) , “Control Z” traz em seu elenco Ana Valeria Becerril (“Muerte al Verano”), Xabiani Ponce de León (“Violetta”), Michael Ronda (“Sou Luna”), Lidia San José (“Luis Miguel: The Series”), Paulina Castro (“A Casa das Flores”), Andres Baida (“Los Elegidos”) e Mauro Sanchez Navarro (“Atrapada”).

 

| P-VALLEY # 2 | STARZPLAY

 

“P-Valley” chega à 2ª temporada após se tornar a estreia mais vista no aplicativo de streaming do canal pago americano Starz. A produção se passa num clube barato de strip-tease do interior do Mississippi e acompanha os sonhos e desilusões de um grupo de funcionárias do local, que atende principalmente homens negros de baixo poder aquisitivo.

A trama é baseada na peça “Pussy Valley”, que foi adaptada pela própria autora, Katori Hall, em sua estreia como produtora-roteirista televisiva, e o elenco destaca Brandee Evans (“The Bobby Brown Story”), Nicco Annan (“This is Us”), Shannon Thornton (“Power”), Elarica Johnson (“Harry Potter e o Enigma do Príncipe”), Skyler Joy (“Ma”), J. Alphonse Nicholson (“Chicago P.D.”), Parker Sawyers (“Southside with You”), Harriet D. Foy (“Elementary”), Tyler Lepley (“The Haves and the Have Nots”) e Dan J. Johnson (“Underemployed”).

 

| WU-TANG: AN AMERICAN SAGA # 2 | STAR+

 

A atração biográfica conta em detalhes a história do grupo de rap Wu-Tang Clan. Desenvolvida por um de seus fundadores, The RZA, em parceria com o roteirista Alex Tse (“Watchmen: O Filme” e “Superfly”), mostra como Bobby Diggs (o próprio The RZA) conseguiu unir uma dezena de jovens nova-iorquinos de personalidades distintas, que se encontravam divididos entre a música e o crime no começo dos anos 1990, para dar origem a uma das mais improváveis histórias de sucesso da música popular americana.

A 2ª temporada explora a gravação do álbum de estreia, o clássico “Enter the Wu-Tang (36 Chambers)”, lançado em 1993. Reverenciado pela forma como juntou hip-hop e paixão pelo kung fu clássico de Hong Kong, o disco revolucionou o rap e transformou Wu-Tang Clan num dos grupos mais influentes do gênero em todos os tempos.

Ao todo, a banda lançou cinco álbuns, que venderam 40 milhões de cópias em todo o mundo. Além do sucesso coletivo, a maioria de seus integrantes também desenvolveu carreiras individuais bem-sucedidas.

Junto de RZA, a série conta com a produção de outro membro do grupo, Method Man, e inclui Ghostface Killa, Inspectah Deck, Masta Killa e GZA, bem como herdeiros de Ol ‘Dirty Bastard (falecido em 2004) como consultores. Já o elenco destaca Ashton Sanders (“Moonlight”), Shameik Moore (“Dope: Um Deslize Perigoso”), os rappers Dave East (“Beats”) e Joey Bada$$ (“Mr. Robot”), entre outros.

 

| PICO DA NEBLINA # 2 | HBO MAX

 

A série brasileira, que imagina a legalização do consumo e do comércio de maconha no país, chega à 2ª temporada aprofundando outros temas, como racismo estrutural, machismo e crime organizado.

A trama gira em torno do jovem traficante paulistano Biriba (Luis Navarro) que, com a legalização da droga, deixa para trás a vida do crime para se juntar a um sócio investidor pouco experiente, Vini (Daniel Furlan, de “Samantha!”), visando usar seus conhecimentos para comercializar o produto na legalidade. Para isso, tem que lidar com o peso e as pressões do seu passado do tráfico e as inúmeras armadilhas do mundo dos negócios.

Na 2ª temporada, Biriba se vê de volta ao mundo do crime, após o líder do tráfico (o rapper Dexter) ameaçar tomar o controle de sua família e de sua loja de cannabis. Ele se alia a velhos conhecidos em uma tentativa arriscada de articular a queda do bandido para recuperar sua vida.

Produção da O2 Filmes, a série foi desenvolvida por Quico Meirelles (da série “Lili a Ex”) com apoio de seu pai famoso, o cineasta Fernando Meirelles (“Cidade de Deus”). Ambos assinaram a direção dos episódios da 1ª temporada, ao lado de Luis Carone (“Antônia”) e Rodrigo Pesavento (“Sobre Amanhã”).

 

| TUCA & BERTIE # 2 e 3 | HBO MAX

 

Cancelada pela Netflix após apenas uma temporada em 2019, a série animada foi resgatada pelo Adult Swim e virou um hit. Em sua nova casa, a atração se revelou um sucesso de público e crítica, atingindo 100% de aprovação em seu segundo de produção, na média do portal Rotten Tomatoes.

A animação criada por Lisa Hanawalt e produzida pela equipe do sucesso “BoJack Horsemen” conta a história de duas amigas passarinhas em suas aventuras e crises comuns às fêmeas de qualquer espécie – com dublagem original das comediantes Tiffany Haddish (“Viagem das Garotas”) e Ali Wong (“American Housewife”).

O excelente elenco de vozes ainda conta com Steven Yeun (indicado ao Oscar por “Minari”), Nicole Byer (“Mandou Bem!”), Pamela Adlon (“Better Things”) e Richard E. Grant (“Loki”).

Na época do cancelamento, a Netflix foi alvo de várias críticas negativas, com direito até a editoriais em publicações importantes, como a revista Variety, que classificou a decisão da plataforma de “desapontadora”. Fãs também reclamaram ativamente nas redes sociais com a hashtag #SaveTucaAndBertie. Azar da Netflix, pois a produção deu tão certo na nova casa que foi renovada e já vai chegar à 3ª temporada (via HBO Max) no domingo (10/7).