Instagram/ABC

Will Smith é banido do Oscar por 10 anos

Vencedor do Oscar 2022, Will Smith foi proibido de ir às próximas cerimônias de premiação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas por 10 anos, além de outros eventos oficiais da entidade.

A decisão foi anunciada nesta sexta-feira (8/3) pelos diretores da instituição como punição pelo tapa que ele deu em Chris Rock, após uma piada sobre sua esposa, Jada Pinkett Smith, durante o evento deste ano. Por conta própria, o ator também já havia renunciado sua filiação à Academia.

Apesar da punição, a decisão não impede que Will Smith seja indicado novamente ao Oscar, durante o período de banimento, e nem tira a estatueta que ele ganhou, como Melhor Ator por “King Richard” em 27 de março.

Em comunicado sucinto enviado à imprensa dos EUA, Will Smith disse: “Eu aceito e respeito a decisão da Academia”.

O Conselho da Academia é formado por integrantes destacados da instituição, muitos deles famosos como os diretores Steven Spielberg e Ava DuVernay e as atrizes Laura Dern e Whoopi Goldberg, entre outros.

Confira abaixo o texto oficial da decisão, assinada pelo presidente da Academia, David Rubin.

“A 94ª edição do Oscar deveria ser uma celebração dos muitos indivíduos em nossa comunidade que fizeram um trabalho incrível no ano passado; no entanto, esses momentos foram ofuscados pelo comportamento inaceitável e prejudicial que vimos o Sr. Smith exibir no palco.

Durante nossa transmissão, não abordamos adequadamente a situação no local. Por isso, lamentamos. Esta foi uma oportunidade para darmos um exemplo para nossos convidados, espectadores e nossa família da Academia em todo o mundo, e ficamos aquém – despreparados para o fato inédito.

Hoje, o Conselho de Diretores convocou uma reunião para discutir a melhor forma de responder às ações de Will Smith no Oscar, além de aceitar sua renúncia como membro. O Conselho decidiu, por um período de 10 anos, a partir de 8 de abril de 2022, que o Sr. Smith não poderá participar de nenhum evento ou programa da Academia, pessoalmente ou virtualmente, incluindo, entre outros, o Oscar.

Queremos expressar nossa profunda gratidão ao Sr. Rock por manter a compostura em circunstâncias extraordinárias. Também queremos agradecer aos nossos anfitriões, indicados, apresentadores e vencedores por sua postura e graça durante nossa transmissão.

Esta ação que estamos tomando hoje em resposta ao comportamento de Will Smith é um passo em direção a um objetivo maior de proteger a segurança de nossos artistas e convidados e restaurar a confiança na Academia. Também esperamos que isso possa iniciar um tempo de cura e restauração para todos os envolvidos e impactados.”