Divulgação/Globo

“BBB 22” some com patrocinador após acidente de Rodrigo Mussi

O episódio de domingo (4/4) do “BBB 22” exibiu o almoço do anjo de Jessilane Alves, mas não mostrou o tradicional momento da “corrida” com um táxi da 99, patrocinadora da ação, tampouco a premiação da confinada com R$ 9.999,00 em créditos para usar no aplicativo.

A alteração aconteceu depois que Rodrigo Mussi, segundo participante eliminado do programa, sofreu um acidente grave enquanto fazia uma viagem em um carro da empresa na última quinta-feira (31/3). Vencedor de duas provas do anjo, ele estava utilizando o prêmio do programa na hora do acidente.

Rodrigo passou por cirurgias e segue internado em estado grave na UTI do Hospital das Clínicas, em São Paulo, após o motorista do aplicativo dormir no volante e colidir com um caminhão.

Em uma nota enviada à imprensa, a 99 falou sobre o auxílio dado aos parentes do ex-BBB. Segundo a empresa, todas as viagens da plataforma já incluem um seguro contra acidentes pessoais previstos em todas as viagens.

Além disso, a 99 vai ampliar “seus esforços para a conscientização da obrigatoriedade do uso do cinto de segurança em todas as corridas, sejam curtas ou longas”, incluindo “a possibilidade de o motorista cancelar a viagem caso o passageiro se recuse a usar a proteção, sem sanção ao condutor”.

Sentado no banco traseiro, Rodrigo não estava usando cinto de segurança na hora do acidente.