Divulgação/TV Land

Betty White morreu após sofrer AVC

A morte de Betty White foi causada por um derrame que ela sofreu seis dias antes de morrer, de acordo com seu atestado de óbito.

No atestado, obtido pelo site TMZ, a causa imediata da morte de White está listada como um acidente vascular cerebral, também conhecido como AVC. Também é observado no certificado que o derrame ocorreu seis dias antes de White morrer em 31 de dezembro.

A estrela das séries clássicas “Supergatas” e “Mary Tyler Moore” morreu poucas semanas antes de seu aniversário de 100 anos, que seria em 17 de janeiro.

O agente e amigo íntimo de White, Jeff Witjas, disse em comunicado que ela não estava doente e foi muito cautelosa durante a pandemia de covid-19.

“Mesmo que Betty estivesse prestes a completar 100 anos, pensei que ela viveria para sempre”, ele afirmou.

A morte de White provocou uma enxurrada de homenagens da comunidade de Hollywood, com muitos celebrando seu bom-humor, determinação e bondade, incluindo sua causa favorita: a defesa dos animais.