Divulgação/Sony Pictures

Novo “Homem-Aranha” já tem quinta maior bilheteria da História no Brasil

“Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” liderou as bilheterias brasileiras pelo segundo fim de semana consecutivo, visto por 1,4 milhão de pessoas e arrecadando R$ 30,5 milhões entre quinta-feira e domingo (26/12).

Segundo apuração da consultoria Comscore, a ocupação de salas foi seis vezes maior que a da principal estreia da semana, “Matrix Resurrections”, responsável por vender 235,8 mil ingressos e render R$ 4,9 milhões.

A diferença reflete a desigualdade ocasionada pela diferença de distribuição dos dois filmes. “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” teve a maior distribuição já vista na História do Brasil, ocupando 2,8 mil telas em 16 de dezembro. O resultado foi o recorde histórico da semana passada, que somou 5,1 milhões de espectadores e R$ 103,7 milhões em bilheteria, maior arrecadação de estreia do país.

Ao todo, o filme da Sony/Marvel já foi assistido por 9,6 milhões de brasileiros e faturou mais de R$ 180 milhões. Em 12 dias de exibição, já virou a quinta maior bilheteria de todos os tempos no Brasil.

Em compensação, a ocupação monopolizadora restringiu “Matrix Resurrections” a chegar em menos de mil salas na quarta-feira passada (22/12).

Essa situação gerou um efeito colateral que as bilheterias desta semana deixam bem claro. Todos os demais filmes perderam espaço nas telas.

A animação “Encanto” foi o terceiro filme mais assistido do período, e teve apenas 33 mil espectadores, rendendo R$ 621,5 mil. Foi seguida por “Casa Gucci”, na quarta posição com 2,6 mil ingressos vendidos e R$ 70,3 mil em caixa, e “Clifford: O Gigante Cão Vermelho”, que não chegou a juntar mil espectadores, faturando R$ 18,5 mil em 5º lugar.

A queda brusca de arrecadação destes filmes coincide com a diminuição drástica de cinemas em que podem ser vistos.

Confira abaixo a lista dos 10 filmes mais vistos no Brasil, de acordo com a Comscore.