Divulgação/Universal

“O Poderoso Chefinho 2” terá lançamento simultâneo em streaming

A nova animação da Universal, “O Poderoso Chefinho 2: Negócios de Família”, será o primeiro lançamento do estúdio a chegar simultaneamente aos cinemas e ao streaming nos EUA.

Com a iniciativa, a Universal repete tática já empregada pelas concorrentes Disney e Warner. O negócio, por sinal, é parecido com a prática da Disney+, que cobra um preço extra dos assinantes para assistir a lançamentos selecionados de cinema em casa.

“O Poderoso Chefinho 2” será disponibilizado por um valor adicional “premium” na plataforma Peacock, ainda inédita – e sem previsão de chegar – no Brasil.

Com a decisão, a Universal adiantou a estreia do filme para 2 de julho, dois meses antes da data prevista para os cinemas. Não há informações se isso afetará a estratégia nacional. O filme está marcado para novembro nos cinemas brasileiros.

“O Poderoso Chefinho 2” é novamente dirigido por Tom McGrath, que assinou o primeiro longa, e volta a trazer a voz de Alec Baldwin como Ted, o bebê chefinho, na versão original em inglês.

Por outro lado, houve mudanças no intérprete de Tim, o irmão mais velho. James Marsden (“Sonic – O Filme”) substituiu Tobey Maguire e Miles Bakshi, que dublavam o personagem no primeiro filme.

Para completar, a produção ainda vai introduzir Amy Sedaris (“The Mandalorian”) como a nova bebê da história – Tina, a filha de Tim.

É que a continuação do desenho de 2017 vai encontrar os personagens originais adultos. Mas não por muito tempo. A filha de Tim logo transforma os irmãos birrentos novamente em crianças para os três se juntarem nos “negócios da família” – isto é, espionagem infantil – e, de quebra, enfrentar bebês ninja perigosos.