Divulgação/Eve Productions

Norman Reedus vai transformar “Faster, Pussycat! Kill! Kill!” em série

O ator Norman Reedus, intérprete de Daryl Dixon em “The Walking Dead”, vai produzir uma série baseada no clássico cult “Faster, Pussycat! Kill! Kill!” (1965), do mestre do cinema exploitation (apelativo) Russ Meyer.

Na trama original, três go-go dancers (dançarinas de biquíni dos anos 1960) cruzavam o deserto do Sul dos EUA em um rompante de crimes e violência em busca de adrenalina e dinheiro.

“Estou nas alturas por poder reimaginar essa história para os dias atuais”, afirmou Reedus, em comunicado. “Sou fã do filme de Russ Meyer desde criança e usava minha camiseta ‘Faster, Pussycat! Kill! Kill!’ na escola”, acrescentou.

Realizada pela produtora de Reedus, bigbaldhead, em pareceria com o canal pago AMC, que exibe “The Walking Dead”, a série pretende expandir a representação dos temas progressistas de independência feminina e representatividade que permeavam a premissa violenta do filme (e que mantém o longa relevante até hoje).

Considerado um dos mais influentes exemplares da era “exploitation”, de filmes independentes produzidos para sessões de drive-in ou da programação noturna de cinemas decrépitos, que caprichavam em cenas de anatomia feminina, “Faster, Pussycat! Kill! Kill!” inspirou, entre outros, “À Prova de Morte” (2007), de Quentin Tarantino, “Perdita Durango” (1997), de Álex de la Inglesia, o desenho “Heavy Metal” (1988) e até o clipe “You Want This” (1994), de Janet Jackson.

Veja abaixo o trailer do filme original.