Instagram/Jacob Tremblay

Jacob Tremblay entra no reboot de “O Vingador Tóxico”

Jacob Tremblay, o ator mirim de “O Quarto de Jack” e “Extraordinário”, que atualmente está com 15 anos de idade, juntou-se ao elenco do reboot de “O Vingador Tóxico” (The Toxic Avenger), trash cultuado dos anos 1980.

O papel de Tremblay não foi oficializado, mas a sinopse da produção indica que o protagonista terá um filho que não existia no filme original.

Por enquanto, apenas Peter Dinklage, de “Game of Thrones”, teve seu papel confirmado. Ele viverá Melvin, um faxineiro nerd que é empurrado de uma janela do segundo andar por valentões e acaba caindo num tanque de lixo tóxico. Os produtos químicos fazem com que ele se transforme em um mutante horrivelmente deformado, dotado de tamanho e força sobre-humanos. Assim, ele se transforma de párea rejeitado em herói dos oprimidos, enquanto corre para salvar seu filho, seus amigos e sua comunidade das forças da corrupção e da ganância.

Realizado com baixíssimo orçamento e ultraviolência de ketchup sanguinolento, o filme original da produtora trash Troma foi concebido em 1984 pelo roteirista e diretor Lloyd Kaufman (com o pseudônimo de Samuel Weil). Ele também trabalhou na equipe original de “Rocky: Um Lutador” (1976) e ainda foi responsável por outros dois clássicos da Troma, “Class of Nuke ‘Em High” (1986), sobre os efeitos mutantes de drogas literalmente tóxicas – o lixo radioativo de Tromaville era totalmente desregulado – , e “Tromeo & Juliet” (1996), a versão de Romeu e Julieta da Troma, coescrito com um jovem estreante chamado James Gunn (ele mesmo, de “Guardiões da Galáxia”).

Kaufman e seu parceiro na direção do filme original, Michael Herz, serão produtores executivos do remake, que será comandado pelo ator-diretor Macon Blair (“Já Não Me Sinto em Casa Nesse Mundo”).

Toxie, como o vingador do lixo se tornou conhecido, ganhou continuações, quadrinhos e se tornou precursor dos filmes de super-heróis de humor negro e ultraviolência, que culminaram nos lançamentos de “Kick-Ass” e “Deadpool”, dois exemplos de como o gênero pode render com maiores orçamentos.

Ainda sem previsão de estreia, o novo “Vingador Tóxico” será o primeiro longa da franquia produzido por um grande estúdio – a Legendary do blockbuster “Godzilla vs. Kong”.

Relembre o trailer original abaixo.

Com direção de Macon Blair (Já Não Me Sinto em Casa Neste Mundo), o longa ainda não tem data de estreia definida.