Instagram/Sussex Royal

Meghan Markle acusa monarquia britânica de “perpetuar falsidades” sobre ela e Harry

Meghan Markle, a esposa do príncipe britânico Harry, envolveu-se numa polêmica com o Palácio de Buckingham, residência oficial da Rainha da Grã Bretanha.

A atriz e seu marido participaram de uma entrevista com a apresentadora-empresária Oprah Winfrey, que irá ao ar no domingo (7/3) nos EUA. Mas um trecho antecipado mostra Markle acusando o Palácio de Buckingham de “perpetuar falsidades” sobre ela e Harry, dizendo que o casal não deixará de contar seu lado da história.

A entrevista foi gravada dias antes de o jornal britânico Times publicar uma reportagem, citando fontes não reveladas, de que bullying de Markle teria deixado assistentes em prantos e criado um ambiente tão tóxico que eles se demitiram.

Ela negou prontamente a acusação. Por meio de um porta-voz, se disse “entristecida com este ataque mais recente ao seu caráter, particularmente por ser alguém que já foi alvo de bullying e está profundamente comprometida em apoiar aqueles que sofrem dores e traumas”.

Mas o Palácio de Buckingham também decidiu se manifestar. Um porta-voz da Rainha se disse “muito preocupado” e afirmou que investigará as alegações feitas pelo Times, acrescentando que A Casa Real “não tolera e não tolerará bullying ou assédio no ambiente de trabalho”.

No trecho antecipado da entrevista, Ophra pergunta à Meghan Markle: “O que você achar de o palácio ouvi-la dizer a sua verdade hoje?”

Meghan responde: “Não sei como eles poderiam esperar que, depois de tudo isso, nós ainda ficaríamos em silêncio, se existe um papel ativo que A Firma está desempenhando é o de perpetuar falsidades sobre nós”. A Firma é o nome que a família real britânica usa às vezes para se descrever.

“E se isto vem com o risco de perder coisas, bem, muita coisa já foi perdida”, acrescentou a atriz.

Veja o trecho abaixo.