Divulgação/Disney

Hilary Duff anuncia que volta de Lizzie McGuire foi descartada

A atriz Hilary Duff confirmou que a Disney+ (Disney Plus) desistiu de produzir um revival de “Lizzie McGuire”. “Não vai mais acontecer”, ela afirmou em seu Instagram, encerrando especulações sobre o destino da série, que chegou a ser anunciada entre os primeiros projetos da plataforma, em agosto de 2019.

Duff escreveu: “Estou muito honrada por ter a personagem Lizzie em minha vida. Ela causou um impacto duradouro em muitos, inclusive em mim. Ver a lealdade e o amor dos fãs por ela, até hoje, significa muito para mim. Eu sei que nos esforçamos para fazer o reboot funcionar, mas, infelizmente, apesar dos esforços de todos, isso não vai mais acontecer. Queria que qualquer revival de ‘Lizzie’ fosse honesto e autêntico para refletir quem Lizzie seria hoje. É o que a personagem merece. Agora, todos nós podemos parar um momento para lamentar a mulher incrível que ela teria sido e as aventuras que teríamos levado com ela. Estou muito triste, mas prometo que todos tentaram o seu melhor e as estrelas simplesmente não se alinharam. 2020 foi todo assim. ”

Havia muita expectativa em ver como Lizzie McGuire seria como mulher adulta. A personagem – e sua intérprete – tinha 14 anos quando a série foi lançada no Disney Channel em 2001, e voltaria às telas com mais de 30 anos de idade.

A criadora da produção original, Terri Minsky, estava à frente do projeto, que mostraria Lizzie morando em Nova York e lidando com questões da vida adulta. Mas com o mesmo detalhe que diferenciava sua série original.

Para quem não lembra, “Lizzie McGuire” fez muito sucesso ao mostrar as aventuras da garota adolescente em seu dia-a-dia, com um detalhe: seus pensamentos e emoções eram expressados por um alter-ego animado e cheio de sarcasmo. A continuação pretendia manter essa característica. Só que o alter-ego animado não cresceu. Ainda é uma jovem Lizzie, que faz comentários “sinceros” sobre as situações da protagonista adulta.

Os problemas começaram quando Duff e Minsky concordaram que a série não poderia ter censura livre, como queria a Disney. Com esse impasse, Minsky foi afastada da produção em janeiro passado, enquanto Duff passou a fazer campanha para que a atração fosse remanejada, saindo da plataforma Disney+ (Disney Plus) para integrar a Hulu, como aconteceu com duas séries durante suas produções – “Alta Fidelidade” e “Com Amor, Victor”.

Inicialmente entusiasmada com o projeto, a Disney chegou a gravar dois episódios, voltando a reunir o elenco original da atração. Mas ao ver o resultado, pausou tudo. Na época, um porta-voz do estúdio disse: “Os fãs de ‘Lizzie McGuire’ têm grandes expectativas para qualquer nova história. A menos e até que estejamos confiantes de que podemos atender a essas expectativas, decidimos adiar tudo e informamos aos representantes do elenco que não estamos avançando com a série planejada.”

Foi um baque.

Nada avançou desde então e agora Duff confirma que a série não vai mais sair do papel.