Divulgação/Globo

Advogada de Dani Calabresa diz que atitude de Marcius Melhem é lamentável

A advogada de Dani Calabresa e de outras cinco mulheres que acusam o ex-diretor do departamento de Humor da Globo, Marcius Melhem, de assédio sexual e moral, deu uma entrevista exclusiva ao jornalista Roberto Cabrini, exibida no domingo (6/12) no programa “Domingo Espetacular”, da Record.

Na conversa, Mayra Cotta abordou o fato de Melhem ter dito que vai processá-la, após uma entrevista em que ela o acusou de ter cometido diversos abusos morais e sexuais nos bastidores da Globo. Melhem teria dado entrada na ação na quinta-feira passada (3/12).

“Eu acho lamentável que uma advogada, representando vítimas de assédio sexual, seja também colocada na posição de vítima, diante de uma ameaça desse tipo. Acho perigoso que a função de advogada esteja sendo ameaçada desse jeito”, Cotta afirmou.

Sobre a tentativa de desvalorizar as denúncias, ela alegou não ter ficado surpresa. “É uma tática antiga entre os assediadores, de tentar desacreditar, de reduzir a dor das vítimas. [Existem como provas] As palavras das vítimas, uma investigação interna e testemunhas. [Da Globo] Faltou reconhecimento da gravidade do caso delas”, disse.

Em mensagem enviada a Roberto Cabrini por escrito, e exibida na reportagem de domingo (6/12), Melhem voltou a se defender e reforçar que está processando a advogada: “Em respeito a você e a seus telespectadores, preciso esclarecer que mais uma vez a advogada Mayra Cotta vai à imprensa ao invés de ir à Justiça para buscar a reparação às mulheres que ela representa. Venho a público reafirmar que são acusações mentirosas. Nunca tranquei ninguém, nunca chantageei ninguém, nunca forcei ninguém a nada. Por essa razão, estou processando a advogada Mayra Cotta.”

Além de processar Mayra Cotta, Melhem afirmou no sábado (5/12) que também fará uma interpelação judicial a Dani Calabresa, pedindo que ela confirme ou desminta relatos de assédio que teria sofrido, revelados em reportagem da revista Piauí publicada na sexta (4/12).

A advogada se posicionou sobre a interpelação, dizendo que isso também era “esperado”. “É lamentável que ele tente reduzir a violência do que aconteceu com ela.”

Melhem chefiou a área de humor da Globo nos últimos anos, sendo responsável pela criação de programas como “Zorra”, “Tá no Ar” e “Fora de Hora”, além do quadro “Isso a Globo Não Mostra”, exibido no Fantástico. Mais recentemente, também foi responsável pela “Escolinha do Professor Raimundo”. Após seu afastamento da emissora, todos estes programas foram cancelados.