Vampiros e bruxas de Anne Rice vão ganhar séries no canal de The Walking Dead

O canal pago AMC encomendou duas novas sagas de terror. Lar dos zumbis de “The Walking Dead” e seus derivados, o canal americano também vai abrigar os vampiros e as bruxas da escritora Anne Rice.

O contrato prevê a transformação de 18 livros de Rice em duas séries, uma dedicada às “Crônicas Vampíricas” e outro às “Bruxas de Mayfair”. Vale observar que esse universo é compartilhado. Rice já escreveu três livros que misturam os personagens.

Os leitores foram introduzidos primeiramente ao universo de terror da escritora por meio do vampiro francês extravagante e filosófico do século 18, Lestat de Lioncourt, no romance “Entrevista com o Vampiro” (1976), que foi adaptado para o cinema em 1994 com Tom Cruise no papel principal. O segundo volume, “O Vampiro Lestat” (1985), permanece inédito nos cinemas, mas o terceiro, “A Rainha dos Condenados” (1988), trouxe Stuart Townsend (“A Liga Extraordinária”) como uma versão roqueira de Lestat – cantando músicas de Jonathan Davis, da banda Korn – em 2002.

O produtor-roteirista Rolin Jones, que trabalhou em “Friday Night Lights”, “The Exorcist” e recentemente criou a nova versão de “Perry Mason” para a HBO, vai desenvolver as adaptações para o AMC, ao lado da própria escritora e seu filho Christopher Rice.

“Não há escassez de conteúdo no ambiente competitivo de hoje, mas franquias comprovadas que cativaram milhões de fãs em todo o mundo são algo muito especial e raro, e foi isso que Anne Rice criou”, disse Sarah Barnett, presidente da AMC Networks Entertainment Group e AMC Studios, em um comunicado. “Essas histórias e personagens notáveis ​​têm um apelo enorme, e temos o privilégio de assumir a administração dessas obras lendárias e colaborar com um talento como Rolin Jones para encontrar maneiras de as novas gerações de fãs conhecerem esses mundos”.

Rice acrescentou: “Sempre foi meu sonho ver os mundos das minhas duas maiores séries unidos sob o mesmo teto, para que os cineastas pudessem explorar o universo expansivo e interconectado dos meus vampiros e bruxas. Esse sonho agora é uma realidade, e o resultado é um dos acordos mais significativos e emocionantes da minha longa carreira “.

A AMC fechou um negócio que Rice imaginou há quatro anos, inicialmente apenas com as “Crônicas Vampíricas”. A escritora anunciou em novembro de 2016 que havia recuperado os direitos de adaptação de seus livros de vampiros e estava decidida a desenvolver uma série com seu famoso personagem Lestat. Cinco meses depois, a Paramount Television e a produtora Anonymous Content entraram em acordo para realizar o projeto.

Bryan Fuller, criador de “Hannibal” e “American Gods”, assumiu como showrunner no início de 2018, mas se afastou pouco tempo depois. Ao mesmo tempo, o projeto foi apresentado ao mercado, gerando várias ofertas, até ser reservado pela plataforma Hulu. Com isso, Dee Johnson (“Nashville”) ingressou como showrunner em fevereiro de 2019.

Entretanto, nada foi desenvolvido e o contrato com a Paramount e a Anonymous expiraram no final de 2019, levando ao final do projeto na Hulu e liberando Rice para comprar os direitos novamente e desembarcar na AMC Networks, agora com os livros da “Hora das Bruxas” também incluídos no pacote.

“A AMC Studios é responsável por criar algumas das séries de televisão mais emblemáticas da era moderna e, às vezes, definiu sozinha essa era que chamamos de ‘pico de TV'”, disse Christopher Rice. “Todos os membros da equipe de Anne, incluindo meu parceiro de longa data, o romancista best-seller do New York Times Eric Shaw Quinn, estão entusiasmados em saber que alguns de nossos personagens mais queridos, do vampiro Lestat à bruxa Rowan Mayfair, passando pelos investigadores paranormais da Ordem da Talamasca e o poderoso espírito Lasher, agora estão em segurança nas mãos desses inovadores que possuem alcance global e reservatórios profundos de experiência”, completou o filho da escritora e produtor das séries.