Divulgação/Sony e Marvel

Novos filmes do Homem-Aranha e Doutor Estranho têm estreias adiadas

A Sony e a Disney anunciaram adiamentos de mais filmes da Marvel devido à pandemia do novo coronavírus. Desta vez, foram lançamentos de 2021: as sequências de “Homem-Aranha: Longe de Casa”, da animação “Homem-Aranha: no Aranhaverso” e de “Doutor Estranho”.

A terceiro filme da atual fase do herói da Marvel, protagonizado por Tom Holland, passou de novembro de julho de 2021 para 5 de novembro do mesmo ano, enquanto a versão animada do herói pulou de abril do ano que vem para apenas outubro de 2022.

Por sua vez, “Doctor Strange in the Multiverse of Madness”, a continuação de “Doutor Estranho”, sofreu seu segundo empurrão no calendário. Originalmente previsto para maio de 2021, o filme já tinha passado para novembro por causa do coronavírus e agora foi adiado novamente pela Disney. O filme estrelado por Benedict Cumberbatch só chegará aos cinemas em 25 de março de 2022.

O estúdio também alterou a data de “Thor: Love and Thunder”, mas para adiantar a estreia. A sequência de “Thor: Ragnarok” chegará aos cinemas americanos uma semana mais cedo do que tinha sido anteriormente anunciado, entrando em cartaz em 11 de fevereiro de 2022.

As datas são relativas às estreias nos Estados Unidos.

Recentemente, Chris Hemsworth, o Thor, disse acreditar que os filmes da Marvel terão papel fundamental na reabertura dos cinemas pós-coronavírus, ajudando a atrair as pessoas de volta às salas com o tipo de produção-evento que reúne multidões de fãs por todo o mundo.

“Filmes como os da Marvel são os que são melhor apreciados em tela grande. Eles vão tirar as pessoas de suas casas novamente. Eu acredito nisso”, disse ele em entrevista ao Inquirer.