blank

Universal libera O Homem Invisível, Emma, A Caçada e Trolls 2 para locação digital

Diante do cenário de fechamento de cinemas nos EUA e no mundo, a NBCUniversal anunciou nesta segunda-feira (16/3) que todos os seus filmes atualmente em cartaz serão lançados em VOD para locação a partir do próximo fim de semana. Não só isso. “Trolls 2”, que estrearia em 10 de abril, também será disponibilizado em streaming a partir da data original esperada nos cinemas.

A medida derruba a janela tradicional de estreias. Geralmente, filmes demoram até 90 dias entre seu lançamento nos cinemas e a chegada para locação digital. Mas o fechamento dos cinemas precipitou o adiantamento das ofertas.

O estúdio, porém, quer cobrar caro por isso. O preço de varejo sugerido é de US$ 19,99 nos EUA e valor equivalente será buscado nos mercados internacionais.

O anúncio foi feito pelo CEO da NBCUniversal, Jeff Shell.

“Dadas as mudanças em rápida evolução e sem precedentes na vida cotidiana dos consumidores durante esse período difícil, a empresa sentiu que agora era o momento certo para fornecer essa opção de cinema em casa. A NBCUniversal continuará avaliando o ambiente à medida que as condições evoluírem, e determinará a melhor estratégia de distribuição em cada mercado quando a atual situação única mudar”, diz o comunicado da empresa.

Por enquanto, esta não é uma política geral para todo o calendário de 2020 do estúdio e decisões sobre outros títulos dependerão da progressão da crise de saúde.

Além de “Trolls 2”, a lista de antecipações em VOD inclui “O Homem Invisível” e dois filmes inéditos nos cinemas do Brasil: “Emma” e “A Caçada”, que tinham previsão de estreia nacional para maio. Estes já será disponibilizados para consumo na sexta (20/3).

Não está claro se a Universal brasileira vai liberar esses títulos inéditos, mas o plano da matriz é estender a oferta para todo o mundo.

A decisão da NBCUniversal foi tomada após a Disney antecipar as estreias de “Star Wars: Ascensão Skywalker” e “Frozen 2” em streaming. No caso do desenho animado, o lançamento aconteceu três meses antes do previsto na plataforma Disney+.