Divulgação/AMC

The Walking Dead: World Beyond tem estreia adiada

O canal pago americano AMC adiou a exibição de “The Walking Dead: World Beyond”, que estrearia em 2 de abril.

O motivo não foi a interrupção de gravações. A 1ª temporada da nova série derivada de “The Walking Dead” já tinha sido inteiramente gravada e estava em fase de pós-produção.

Não houve explicações para a medida, que foi comunicada via redes sociais. A emissora não informou nem sequer uma nova data para o lançamento, apenas que seria “mais tarde” neste ano.

O adiamento pode representar uma paralisação dos trabalhos de pós-produção em Hollywood, que ainda estavam sendo realizados em ambientes com poucos funcionários e bastante higienização.

Mas também pode se tratar de uma preocupação financeira com anunciantes. Segundo o site Deadline, os contratos de publicidade estão minguando, com novos acordos sendo fechados apenas para o final do ano.

Como em breve haverá carência de conteúdo novo na televisão, o material inédito passará a ser supervalorizado. Assim, a AMC pode estar guardando sua única produção completa como trunfo para negociar patrocinadores após o fim da crise de saúde.

O spin-off foi criado por Scott Gimple e Matt Negrette, produtores-roteiristas veteranos da “Walking Dead” original, e foi projetado para durar apenas duas temporadas.

A trama acompanha novos personagens, jovens que cresceram numa comunidade militarizada e protegida para se aventurar pela primeira vez no apocalipse zumbi. O elenco destaca Alexa Mansour (“Amizade Desfeita 2: Dark Web”), Nicolas Cantu (visto em “The Good Place”), Hal Cumpston (que estrelou e escreveu o drama indie australiano “Bilched”), Annet Mahendru (a Nina de “The Americans”), Aliyah Royale (de “The Red Line”), o galã Nico Tortorella (da série “Younger”) e a veterana Julia Ormond (“Mad Men”, “Incorporated”) como a líder da comunidade.

Veja abaixo o anúncio oficial do adiamento.