Dois Irmãos: Animação da Pixar é banida no Oriente Médio por incluir personagem LGBTQ+

Vários mercados do Oriente Médio resolveram banir a animação “Dois Irmãos – Uma Jornada Fantástica” por incluir uma personagem LGBTQ+ em sua história.

A proibição se baseia numa fala da personagem Specter, uma ciclope dublada em inglês pela atriz e cineasta Lena Waithe, que revela que ela namora outra personagem feminina. A mera troca de gênero da palavra “namorada” a torna a primeira personagem abertamente LGBTQ+ da história do estúdio.

No “polêmico” trecho, Specter diz “a filha da minha namorada está me deixando louca”.

Tudo se resume a uma palavra. E ela foi suficiente para o filme ter seu lançamento cancelado em Oman, Kuwait, Arábia Saudita e Qatar. Já a Rússia, conhecida por sua longa história de censura aos direitos da comunidade LGBTQ+, trocou a palavra “namorada” por “parceiro” na animação.

A animação estreou na quinta-feira (5/3) nos cinemas brasileiros.

Mais pipoca