Diretora de Garota Infernal vai filmar Drácula para a produtora de O Homem Invisível

A Universal deve fechar uma nova parceria com a produtora Blumhouse. Após o sucesso da reimaginação de “O Homem Invisível”, que na segunda-feira (9/9) cruzou a marca dos US$ 100 milhões de arrecadação global, os dois estúdios estão negociando voltar a se juntar para tirar outro monstro clássico da tumba: “Drácula”.

Segundo o site The Hollywood Reporter, a Blumhouse já deu início ao projeto, contratando a diretora Karyn Kusama, conhecida dos fãs de terror por “Garota Infernal” (2009), estrelado por Megan Fox. Caso a Universal demore a entrar na produção, o estúdio fará o filme por conta própria, já que “Drácula” pertence ao domínio público.

Assim como “O Homem Invisível”, esse novo “Drácula” se passaria nos tempos atuais, segundo as fontes do THR.

O roteiro está a cargo de Matt Manfredi e Phil Hay, que colaboraram com Kusama em vários filmes, incluindo o suspense psicológico “O Convite” (2015) e o thriller “O Peso do Passado” (2018).

Neste ano, “Drácula” já ganhou uma minissérie coproduzida por BBC e Netflix e está escalado no piloto do “derivado” “The Brides”, projeto de série de terror centrado em suas três noivas vampiras.