Diretor Baz Luhrmann entra em quarentena após contato com Tom Hanks

O diretor australiano Baz Luhrmann e sua família entraram em quarentena voluntária depois de entrar em contato com Tom Hanks no set do filme sobre Elvis Presley.

Luhrmann, sua esposa e dois filhos adolescentes se isolaram após o diretor encerrar as filmagens na quinta-feira (12/3).

Hanks, que no longa interpreta o empresário de Elvis, coronel Tom Parker, anunciou que ele e sua esposa Rita Wilson haviam testado positivo para coronavírus e entraram em quarentena de duas semanas na quinta de manhã na Austrália (noite de quarta no Brasil).

Não há informações sobre transmissão de coronavírus para qualquer pessoa associada ao filme ou que possa ter tido contato com Hanks, nem se medidas preventivas foram tomadas em torno do elenco e da equipe de produção.

Filmado na Austrália, o longa – ainda sem título – inclui em seu elenco Austin Butler (o Tex de “Era uma Vez em Hollywood”) como Elvis, Olivia DeJonge (a Ellie da série “The Society”) no papel de Priscilla e Maggie Gyllenhaal (a Candy de “The Deuce”) como Gladys, a mãe do cantor.

Hanks foi visto pela última vez com Luhrmann e membros da equipe na terça-feira, antes de desenvolver sintomas. Seu anúncio de quarentena explodiu como uma bomba no noticiário mundial. Tanto ele como sua esposa Rita Wilson têm 63 anos, considerada uma idade de alto risco para quem contrai a doença.