Divulgação/Naughty Dog

Criador de Chernobyl vai transformar game The Last of Us em série da HBO

“The Last of Us”, um dos games mais populares e premiados dos últimos anos, vai virar série. O canal pago HBO oficializou o começo da produção, que inevitavelmente vai gerar comparações com “The Walking Dead”, já que ambas as tramas acompanham sobreviventes de um apocalipse zumbi – mutantes, no caso do game.

Mas há diferenças sensíveis de qualidade nos bastidores da nova adaptação. Quem está por trás do projeto de “The Last of Us” é Craig Mazin, criador da premiada minissérie “Chernobyl”, vencedora do Emmy. Ele está trabalhando ao lado do roteirista e diretor criativo do game, Neil Druckmann, para transformar a história do game numa série.

Em comunicado, Mazin, que se assume fã do jogo, declarou: “Neil Druckmann é, sem dúvida, o melhor contador de histórias que trabalha no mundo videogame, e ‘The Last of Us’ é sua magnum opus. Ter a chance de adaptar esse trabalho de tirar o fôlego é meu sonho há anos e estou muito honrado em fazer isso em parceria com Neil”.

“Desde a primeira vez que me sentei para conversar com Craig, fiquei igualmente impressionado com sua abordagem narrativa, seu amor e profunda compreensão de ‘The Last of Us'”, acrescentou Druckmann no anúncio. “Com ‘Chernobyl’, Craig e HBO criaram uma obra-prima tensa, angustiante e emocional. Eu não conseguia pensar em parceiros melhores para dar vida à história de ‘The Last of Us’ como série de televisão”, completou.

A trama vai adaptar os eventos do jogo original de 2013, com a possibilidade de adicionar alguns detalhes que serão vistos na próxima sequência do jogo, “The Last of Us Part II”, que chega às lojas em 29 de maio de 2020.

Na história de Neil Druckmann, os jogadores acompanhavam a fascinante história de sobrevivência de Joel, convencido a transportar a menina Ellie, que podia representar uma chance de cura para a praga apocalíptica, numa jornada brutal e comovente.

A série será a primeira produção televisiva a ostentar a marca PlayStation, que vai virar uma produtora independente de conteúdo do conglomerado Sony.

Veja abaixo dois trailers nacionais e um clipe musical do primeiro game da franquia para ter ideia do que esperar da série.