Spectros: Netflix lança outra série brasileira quase sem divulgação

Depois de jogar no ar a série brasileira “Onisciente”, nova atração de Pedro Aguilera (o criador de “3%”), praticamente sem divulgação, a Netflix repetiu a dose nesta sexta (20/2), liberando mais uma atração nacional sem fazer alarde. A plataforma não divulgou trailer no YouTube, não acionou o mailing de imprensa para lembrar da estreia nem destacou o lançamento no recente evento grandioso que realizou em São Paulo há menos de um mês para promover, supostamente, seus novos lançamentos nacionais.

Pelo menos, “Spectros” teve um trailer liberado no Twitter e Facebook (mas não no Instagram) há impressionantes quatro dias da estreia – “Onisciente” não teve nem isso, já que sua divulgação começou e terminou após seu lançamento.

Grande parte de divulgação da série tem sido iniciativa da produtora Moonshot Pictures (“Sessão de Terapia”), que coproduz “Spectros” com o americano Douglas Petrie, criador da minissérie “Os Defensores”, da Marvel.

A série se passa nos dias atuais no bairro da Liberdade, em São Paulo. A trama acompanha cinco adolescentes acidentalmente atraídos para uma realidade sobrenatural que não compreendem e que se conecta com eventos acontecidos no mesmo local em 1858, conforme espíritos japoneses buscam vingança por erros cometidos no passado.

O elenco destaca Danilo Mesquita (“3%”), Enzo Barone (“Amigo de Aluguel”) e os estreantes Claudia Okuno, Pedro Carvalho e Mariana Sena.

A série tem oito episódios e já está disponível para os assinantes da Netflix em todo o mundo.

Veja abaixo o trailer e o pôster divulgados no Twitter.