Jim Carrey diz que críticas negativas ao primeiro trailer ajudaram Sonic: O Filme

O ator Jim Carrey, que interpreta o vilão Ivo Robotnik em “Sonic: O Filme”, acredita que a recepção negativa dos fãs ao primeiro trailer foi responsável por ajudar o longa a se tornar um sucesso, já que resultou em aprimoramento. Em entrevista ao canal Fox News, Carrey disse que chegou a ficar “preocupado com as alterações, mas o resultado final foi fantástico”.

Dizendo não criar sua interpretação “baseado no que as pessoas estão dizendo”, contou que as mudanças em “Sonic”, por outro lado, foram uma experiência cooperativa em que todos estavam envolvidos. “Eu acho que todos se sentiram bem porque [o diretor] Jeff Fowler não tinha nenhum ego envolvido. Ele chegou e disse ‘Essas pessoas cresceram com isso, e é importante para eles que nós façamos direito’. E eu acredito que ficou um filme muito melhor por causa disso”.

“Sonic: O Filme” teve desempenho acima do esperado na América do Norte, com faturamento de US$ 58 milhões em seu fim de semana de estreia, um recorde para uma adaptação de filmes baseados em videogames. Graças ao feriadão de segunda-feira (17/2) nos EUA, o longa já está com 70 milhões no mercado doméstico.

O filme também contou com um embargo estratégico, que proibiu a publicação de críticas até a data do lançamento internacional do filme, na quinta-feira passada (12/2). Com isso, evitou que eventuais críticas negativas prejudicassem seu desempenho nas bilheterias. “Sonic” atingiu 63% de aprovação no Rotten Tomatoes, mas apenas 50% (medíocre) entre os críticos considerados top (da grande imprensa).