Sites brasileiros multiplicam fake news do We Got This Covered

A gente já abordou aqui a fábrica de fake news geeks chamada We Got This Covered. A política da Pipoca Moderna é não publicar nenhuma “notícia” que venha de lá. Mas aparentemente há muitos colegas que não compartilham da mesma preocupação e têm ajudado a multiplicar no Brasil os textos inventadas do site mais mentiroso do mundo. Mesmo portais tidos como de confiança como UOL e R7 passaram a citar fontes inexistentes do We Got This Covered para publicar os vapores do site como se fosse informações sólidas.

Isso prejudica o trabalho de quem leva a sério o serviço de informar corretamente. Afinal, quem não quer ler notícias sobre a volta de Harry Potter com o elenco original ou os planos da Marvel para os personagens das séries canceladas da Netflix? São pautas atraentes, que rendem cliques. Mesmo que as revelações “exclusivas” sejam mentiras.

Para dar noção do quanto isso pode ser nocivo, o cineasta Guillermo Del Toro pediu em julho passado para seus seguidores não acreditarem quando o WGTC publicar algo sobre seus futuros projetos, chamando o site de mentiroso. Ele não foi processado, porque não caluniou ninguém, apenas demonstrou fatos.

Se até os usuários do Reddit, que adoram teorias, recusam-se a discutir as “notícias” que vêm daquele lugar, passou da hora de o público brasileiro cobrar postura mais responsável da “imprensa” nacional, em relação aos relatos inverídicos que publica sem checar.

Abaixo está uma captura de tela da homepage atual do site. São notícias de enlouquecer geeks, com novidades que ninguém viu em outro lugar. Isto porque é tudo mentira. 100% falso.

Vale lembrar que, embora seja o site que mais engana a imprensa brasileira, o We Got This Covered não é o único a receber citações positivas por sua atividade. Outros sites especializados em furos que ninguém mais tem, porque não foram confirmados por jornalistas sérios, também começam a virar fontes frequentes dos geeks blogueiros nacionais.

Ajudem a acabar com a praga das fake news geeks na internet, para não serem vítimas de desinformação, que cria expectativas que nunca serão cumpridas. Chamem atenção dos propagadores de mentiras para interromperem a prática. Apoiem os sites preocupados em checar informações para oferecer um serviço legítimo aos leitores. Decidam que tipo de cobertura vocês merecem.