Atriz de Grown-ish será Ariel na versão live-action de A Pequena Sereia



A atriz e cantora Halle Bailey (da série “Grown-ish”) foi escolhida pela Disney para viver a Princesa Ariel na versão live-action de “A Pequena Sereia”. A confirmação incluiu comemoração da estrelinha nas redes sociais. Mas nem todos aplaudiram.

A jovem de 19 anos é obviamente negra. E a primeira coisa que fez foi incluir uma ilustração de uma Pequena Sereia negra no Twitter, escrevendo “sonho que virou realidade” (veja abaixo). E, claro, isso rendeu polêmica instantânea nas redes sociais. “A Disney vai colocar uma Ariel ruiva ou negra em seus parques temáticos? Isso com certeza confundirá a cabeça das crianças”, escreveu um internauta menos exaltado.

Tradicionalmente retratada como uma mulher branca de cabelos ruivos, inclusive na animação clássica do estúdio, Ariel quase foi vivida pela atriz Chloe Moretz (“Carrie, a Estranha”) numa produção rival, que acabou não indo adiante com a desistência da cineasta Sofia Coppola. Mas vale lembrar que Zendaya (a MJ de “Homem-Aranha: Longe de Casa”) já estava cotada para o papel, demonstrando o interesse da Disney num perfil diversificado.

A nova versão começou a ganhar vida com roteiro de Jane Goldman (“Kingsman: O Círculo Dourado”), que foi reescrito por David Magee a pedido do diretor Rob Marshall. Ambos trabalharam juntos em “O Retorno de Mary Poppins”, no ano passado.

A produção também negocia com Melissa McCarthy (“Poderia Me Perdoar?”), Jacob Tremblay (“Extraordinário”) e Awkwafina (“Podres de Rico”) para integrarem o elenco.

Ariel será o primeiro papel de Halle Bailey no cinema, que, além de estrelar “Grown-ish” no papel de Sky, tem um projeto musical com sua irmã, a dupla Chloe x Halle.

Na trama, a filha do Rei Tritão da Atlântida rebela-se para fazer parte do mundo humano e acaba se casando com um humano, o príncipe Eric, que ela resgatou de um naufrágio.



O compositor Alan Menken, vencedor do Oscar de Melhor Canção Original pelo desenho dos anos 1980, também está no projeto, desenvolvendo com Lin-Manuel Miranda (outro de “O Retorno de Mary Poppins”) a nova trilha.

Além disso, o longa contará com mais três vencedores do Oscar acostumados a trabalhar com Marshall: o diretor de fotografia Dion Beebe, a figurinista Colleen Atwood e o diretor de arte John Myhre. O trio trabalhou junto em “Memórias de Uma Gueixa” (2005) e “Chicago” (2002), do mesmo diretor.

“A Pequena Sereia” é uma das últimas animações que restam para a Disney refilmar com atores, uma estratégia que continua a render hits, como “Aladdin”, lançado em maio, que está prestes a atingir arrecadação de US$ 900 milhões mundiais.

Ainda não há previsão para a estreia.


Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings