O Parque dos Sonhos é a maior das 12 estreias da semana



Doze filmes estreiam nos cinemas nesta quinta (14/3), mas só os quatro americanos chegam em grande circuito. A dica é procurar pelos lançamentos brasileiros.

Com maior distribuição, “O Parque dos Sonhos” é novidade também nos Estados Unidos neste fim de semana, onde não há muitas expectativas para seu desempenho, na sombra do fenômeno “Capitã Marvel”. Escrito pela dupla Josh Appelbaum e André Nemec (de “As Tartarugas Ninja”), o longa curiosamente não teve o nome do diretor divulgado. Isto porque Dylan Brown, animador de “Os Incríveis” e diretor do curta “Festa-Sauro Rex” (da franquia “Toy Story”), foi dispensado da função após surgirem denúncias de comportamento inapropriado. E este não foi o único contratempo da produção, que trocou um dos dubladores, Jeffrey Tambor, após ele ser demitido da série “Transparent” sob acusações de assédio. Mas o filme, em si, é inofensivo, com uma mensagem sobre a importância da imaginação, que entretêm as crianças sem cair na condescendência.

Alternativa brasileira ao desenho, “Sobre Rodas” é uma opção infantil de temas mais complexos, pronta há dois anos sem encontrar espaço no mercado. Primeiro longa de ficção de Mauro D’Addio, a dramatização da amizade de um menino deficiente e uma garota determinada, que pegam a estrada numa jornada de aventuras em busca de um pai ausente, foi premiado no Festival do Rio e na versão infantil do Festival de Toronto (no Canadá) em 2017.

O segundo lançamento brasileiro que chama atenção é para um público bem diferente. O terror “Mal Nosso” é uma porrada visceral que supera limitações de orçamento com uma proposta bastante ousada, especialmente por ser trabalho de diretor-roteirista iniciante, numa história que combina trama sobrenatural com “torture porn” brutal – no que lembra o último Zé do Caixão, “Encarnação do Demônio” (2008). Curiosamente, a maioria dos críticos nacionais desconjurou. Só que o longa foi exibido em vários festivais internacionais – venceu o Macabro, do México – e converteu a imprensa mundial, virando objeto de culto. O prestigioso site Eye of Film, por exemplo, disse que Samuel Galli é um diretor “para ser acompanhado”. Além disso, todas as críticas compiladas no site Rotten Tomatoes (sem nota) são elogiosas.

Em compensação, o terror americano “Maligno”, que também chega aos cinemas, recebeu apenas 43% de aprovação no Rotten Tomatoes. Com a mesma premissa de “Sobrenatural” (Insidious), o filme do menino possuído por uma entidade maligna é o pior lançamento da semana.

Os demais títulos americanos em grande circuito são “Suprema”, que mostra a juventude da advogada Ruth Bader Ginsburg (Felicity Jones), importante figura histórica do feminismo – e hoje juíza da Suprema Corte – , e o mais recente thriller de Liam Neeson, “Vingança a Sangue Frio” – remake do suspense nórdico “O Cidadão do Ano” (2014) – , que teve seu lançamento ofuscado nos Estados Unidos por uma entrevista polêmica do ator. Ambos foram elogiados pela crítica americana, ganhando mais de 70% de aprovação. De fato, “Vingança a Sangue Frio” foi considerado um dos melhores thrillers de toda a fase vingativa de Neeson – isto é, desde “Busca Implacável” (2008).

A programação se completa com o novo projeto de arte de Jean-Luc Godard – não vamos chamar de filme, porque moleques do YouTube fazem similar, apesar do prêmio simbólico conferido pelo Festival de Cannes – , dois filmes argentinos e três documentários brasileiros. Desta relação, a produção argentina que não tem Ricardo Darín (enfim uma), “As Filhas do Fogo” ganha destaque por apresentar erotismo lésbico explícito e nada convencional. Obviamente, não é para todos.

Confira abaixo todos os trailers e sinopses das estreias desta quinta. E não esqueça de prestar atenção nos três documentários da lista, instigantes em suas propostas diferenciadas.

O Parque dos Sonhos | EUA | Animação

A jovem otimista e sonhadora June encontra escondido na floresta um parque de diversões chamado Wonderland, que é cheio de passeios e animais que falam. O único problema é que o parque está confuso e desorganizado. June logo descobre que o parque veio de sua imaginação e que ela é a única que pode deixar o lugar mágico de novo.

Sobre Rodas | Brasil | Aventura

Lucas (Cauã Martins) é um menino que chega a uma nova escola depois de sofrer um acidente que o colocou em uma cadeira de rodas. Lá, ele se torna amigo de Laís (Lara Boldorini), uma colega de classe que sonha em conhecer o pai que a abandonou. Juntos, os dois iniciam uma jornada inesperada e decidem fugir de casa quando a jovem descobre o possível paradeiro do pai.

Suprema | EUA | Drama

Ruth Bader Ginsburg (Felicity Jones) se formou em direito nas instituições mais prestigiosas do país: Harvard e Columbia, sempre como primeira aluna de sua turma. Mesmo assim, ela enfrentou o machismo dos anos 1950 e 1960 quando tentou encontrar emprego, sendo recusada pelos principais escritórios de advocacia. Na função de professora, ela se especializou em direito relacionado ao gênero, decidindo atacar o Estado norte-americano para derrubar centenas de leis que permitem a discriminação às mulheres. Anos mais tarde, ela se tornou uma das primeiras juízas da Suprema Corte dos Estados Unidos.

Vingança a Sangue Frio | EUA | Suspense

Nels (Liam Neeson), um tranquilo homem de família que dirige um caminhão removedor de neve, vê seu mundo virado de cabeça para baixo quando seu filho é morto por um poderoso traficante de drogas. Impulsionado pelo desejo de vingança e sem nada para perder, ele fará tudo o que por preciso para destruir o cartel.


Maligno | EUA | Terror

Preocupada com o repentino comportamento estranho e violento de seu filho Miles (Jackson Robert Scott), Sarah (Taylor Schilling) inicia uma investigação por conta própria para entender o que está acontecendo. Mas o que ela descobre é que alguma espécie de força sobrenatural está agindo sobre ele, influenciando cada vez mais suas ações.

Mal Nosso | EUA | Terror

A história de Arthur (Ademir Esteves), um exorcista que usa a internet para contratar Charles (Ricardo Casella), um serial killer que precisa proteger sua filha Michele (Luara Pepita) de uma possessão demoníaca.

Um Amor Inesperado | Argentina | Comédia

Marcos (Ricardo Darín) e Ana (Mercedes Morán) estão casados há 25 anos e seu relacionamento já não está mais funcionando. Quando seu filho deixa a Argentina para estudar fora, os dois decidem se divorciar. Porém, a vida de solteiro não é tão fácil quanto eles esperavam e Marcos acaba chamando Ana para sair com ele novamente

As Filhas do Fogo | Argentina | Drama

Insatisfeitas com suas próprias vidas, três mulheres independentes se encontram por acaso, bem longes de suas casas, e começam a se relacionar de maneira poliamorosa. Quando percebem que estão livres daquilo que acreditam ser regras sociais possessivas, elas decidem formar um grupo cujo propósito é libertar outras mulheres que estejam passando pelos mesmos problemas.

Imagem e Palavra | França | Arte

Godard parte de montagens de imagens para refletir sobre aspectos do cinema e do mundo. Colando cenas de filmes, de reportagens, de vídeos caseiros e mesmo de desenhos, o cineasta aborda as funções do tempo e do espaço, utilizando em particular o caso das imagens sobre o mundo árabe de como são percebidas pelo mundo ocidental.

Eleições | Brasil | Documentário

A rotina do ensino médio da Escola Estadual Doutor Alarico da Silveira, localizada no centro de São Paulo, é alterada por conta das eleições do grêmio estudantil que se aproximam. Durante este período é possível identificar como as consequências do processo eleitoral afetam as relações entre os alunos, assim como as eleições presidenciais, em proporções bem maiores, conseguem alterar a atmosfera de um país.

Elegia de um Crime | Brasil | Documentário

Em fevereiro de 2011, a mãe do diretor Cristiano Burlan foi assassinada em Uberlândia pelo parceiro. Isabel Burlan da Silva teve sua trajetória marcada pela violência e pela pobreza, assim como todo o resto da família. Este é o terceiro filme da série “Trilogia do Luto”, os anteriores abordavam a morte do pai e do irmão de Burlan. Aqui, ele busca reconstruir a imagem e a vida da mãe.

Pastor Cláudio | Brasil | Documentário

Um encontro histórico entre duas figuras pessoalmente antagônicas: o bispo evangélico Cláudio Guerra, responsável por assassinar e incinerar os opositores à ditadura militar brasileira, e Eduardo Passos, um psicólogo e ativista dos Direitos Humanos.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings