Amy Adams vira produtora de séries e emplaca adaptação de A Bíblia Envenenada para a HBO



A atriz Amy Adams aprovou sua estreia como produtora de série na HBO, com “Sharp Objects”, e resolveu investir em sua própria companhia de produção.

Formada em sociedade com sua agente, Stacy O’Neil, a Bond Group Entertainment contratou Kathleen Clifford, executiva do canal pago Starz, para chefiar a empresa e já firmou contrato para o desenvolvimento de sua primeira atração.

A produtora de Adams vai realizar uma nova adaptação literária em formato de minissérie para a HBO, desta vez do livro “A Bíblia Envenenada” (Poisonwood Bible), de Barbara Kingsolver.

Ficção livremente inspirada em fatos reais, o livro narra a aventura de Orleanna Price, mulher de um religioso americano que, no final dos anos 1950, levou a família para o Congo, então uma colônia belga, para evangelizar os africanos.



Paralelamente, desenrola-se a luta do povo africano pela independência, que culmina no assassinato do líder político Patrice Lumumba. A execução do ativista é cercada até hoje de suspeitas de envolvimento do governo americano.

A própria Kingsolver deve ajudar a adaptar o seu livro para a TV, ao lado da roteirista Anya Epstein (“The Affair”).

Ainda não há data de estreia definida e nem está claro se Adams também vai viver a protagonista.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings