Aaron Sorkin diz que A Rede Social deve ganhar continuação



Aaron Sorkin, que venceu o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado por “A Rede Social”, acredita que o filme de 2010 sobre o Facebook deva ganhar uma sequência. Em um vídeo divulgado pela agência Associated Press, ele revelou que o produtor do longa original, Scott Rudin, vive lhe enviando e-mails sobre o projeto.

“Recebi mais de um e-mail dele com artigos em anexo, dizendo: ‘Não é hora de uma continuação?'”, revelou Sorkin, acrescentando: “Muitas coisas muito interessantes e dramáticas aconteceram desde que o filme terminou com a resolução do processo dos gêmeos Winklevoss e Eduardo Saverin”.

“Antes de mais nada, sei muito mais sobre o Facebook em 2005 do que em 2018 – mas sei o suficiente para saber que deveria haver uma sequência”, disse Sorkin, rindo, no vídeo.

Desde o lançamento de “A Rede Social”, o Facebook foi parar no centro de múltiplas controvérsias. O CEO Mark Zuckerberg, interpretado por Jesse Eisenberg no filme, e a COO Sheryl Sandberg foram criticados pela má gestão dos dados privados dos usuários pela empresa.

O Facebook também sofreu com vários outros desenvolvimentos prejudiciais, desde o escândalo dos dados da Cambridge Analytica até a promoção de violência política em lugares como Mianmar, sem esquecer o papel que a plataforma social desempenhou ao proliferar fake news que interferiram nas eleições dos EUA em 2016.



Perguntado se escreveria o roteiro de uma continuação, Sorkin disse: “Sei muito mais sobre o Facebook de 2005 do que a rede em 2019, mas sei o suficiente para saber que deveria sim haver uma sequência”.


Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings