Netflix cancela série Caso de Polícia após uma temporada



A Netflix anunciou o cancelamento da série “The Good Cop”, mal-traduzida como “Caso de Polícia” no Brasil, após apenas uma temporada.

Lançada em setembro sem muita publicidade, a série não conquistou grande público e também não foi muito bem recebido pela crítica, com 52% de aprovação no Rotten Tomatoes.

Desenvolvida por Andy Breckman, criador do sucesso “Monk”, a série era inspirada numa produção original israelense de 2015 e trazia Tony Danza (da sitcom clássica “Who’s the Boss?”) e o cantor Josh Groban (em seu primeiro papel fixo numa série) como pai e filho policiais.



O papel de Danza era Tony Caruso, um policial aposentado de Nova York que nunca seguiu as regras, e que atualmente mora com seu filho Tony Jr. (Groban), um detetive da polícia que faz questão de sempre seguir as regras. Logicamente, o pai não se conforma com a aposentadoria e faz questão de ser parceiro informal do filho, oferecendo conselhos não requisitados e se portando geralmente de forma antiética, para incômodo do jovem.

O elenco ainda incluía Monica Barbaro (da série “Chicago Justice”), como uma detetive novata disposta a flexibilizar as regras para fazer o trabalho, e Isiah Whitlock Jr. (da série “The Mist/O Nevoeiro”), como um detetive veterano que contava os dias para a aposentadoria e não tinha paciência nem tempo a perder com parceiros mais novos.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings