Millie Bobby Brown vira a mais nova embaixadora da boa vontade da história da ONU



Millie Bobby Brown, estrela adolescente da série “Stranger Things”, tornou-se a mais jovem embaixadora da boa vontade da história para a agência de proteção às crianças das Nações Unidas, a Unicef. Ela foi nomeada na terça-feira (20/11) e deverá abordar os assuntos bullying e pobreza em seu novo papel.

A atriz de 14 anos, que também é a pessoa mais jovem a figurar na lista das 100 pessoas mais influentes do mundo da revista Time, foi apontada para o papel na sede da ONU para marcar o dia mundial da Criança, disse a agência.

“É um sonho realizado”, disse Brown em nota. “Estou ansiosa para me encontrar com todas as crianças e jovens que conseguir, para ouvir suas histórias, e falar em nome deles.”

Brown foi indicada duas vezes para o Emmy por seu papel na série “Stranger Things”, da Netflix, uma garota chamada Eleven, que tem superpoderes e ajuda seus amigos a enfrentar monstros. Ela já falou abertamente no passado sobre o bullying e chegou a apagar sua conta no Twitter em 2017, depois que gays passaram a “brincar” de atribuir comentários odiosos à sua pessoa.


A Unicef disse que em seu novo papel ela irá ajudar a criar consciência para os direitos da criança e para outras questões ligadas aos jovens, incluindo o acesso à educação, o impacto da violência, bullying e pobreza.

“As crianças são os principais defensores de si mesmas. Eu sei que Millie irá utilizar sua paixão e sua dedicação para defender os direitos de crianças em situação de vulnerabilidade e dos jovens em todo lugar do mundo”, disse Henrietta Fore, diretora executiva da Unicef em um comunicado.

Brown se junta a uma lista de embaixadores da boa vontade da Unicef que inclui o ex-capitão da seleção inglesa de futebol David Beckham, os atores Orlando Bloom, Jackie Chan e Liam Neeson e os cantores Ricky Martin e Shakira.



Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna



Back to site top
Change privacy settings