Josie e as Gatinhas cantam hit dos Archies em cena da série Riverdale

 

A rede americana CW divulgou uma cena de sua nova série “Riverdale”, que traz a banda Josie e as Gatinhas tocando “Sugar Sugar”, o grande hit da série animada “Turma do Archie”. A canção original liderou as paradas mundiais em 1969 e ganhou até versão brasileira, “Menina Doce”, cantada pelos Fevers. Já a nova gravação tem influência do hip-hop, refletindo a formação das Gatinhas na série.

“Riverdale” é baseada nos quadrinhos de Archie e sua turma, mas, na série, Archie Andrews (o neozelandês K.J. Apa, de “Quatro Vidas de um Cachorro”) é um músico colegial, que ainda não fez sua primeira demo, muito menos formou uma banda com Betty (Lili Reinhart, de “Os Reis do Verão”), Veronica (a estreante Camila Mendes, filha de brasileiros), Reggie (Ross Butler, da série “Agente KC”) e Moleza (Cole Sprouse, da série “Zack & Cody: Gêmeos em Ação”). Na cena abaixo, por sinal, é possível ver Betty e Veronica como cheerleaders.

Já as integrantes da banda Josie e as Gatinhas são interpretadas por três atrizes negras, numa alteração racial do desenho animado, que tinha apenas uma integrante negra. Ashleigh Murray (série “Younger”) vive a ex-ruiva Josie, Asha Bromfield (série “Slasher”) é a ex-loira burra Melody e a estreante Irie Hayleau interpreta Valery, que foi originalmente a primeira protagonista negra de uma animação televisiva americana.

Tanto Archie quanto Josie são personagens da Archie Comics, editora de quadrinhos que tem como diretor criativo Roberto Aguirre-Sacasa – por sua vez responsável pela criação da série. Roteirista experiente, Aguirre-Sacasa já escreveu para “Glee”, “Supergirl” e assinou o remake de “Carrie, a Estranha” (2013).

A série surpreendeu com um promissor episódio inaugural na semana passada e é disponibilizada no Brasil pela Netflix.

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna

Back to site top
Change privacy settings