Luke Cage

Vilão de Luke Cage entra na adaptação do mangá Battle Angel Alita

O ator Mahershala Ali, que interpreta o vilão Cornell “Boca de Algodão” Stokes em “Luke Cage”, entrou no elenco de “Alita: Battle Angel”, adaptação de um mangá clássico de sci-fi com direção de Robert Rodriguez (“Sin City”) e produção de James Cameron (“Avatar”).

Segundo o site The Hollywood Reporter, ele terá um papel igualmente vilanesco como Vector, o homem que gerencia as competições que combinam Roller Derby e luta de gladiadores futuristas, chamadas de Motorball.

Assim, a produção segue escalando atores ocidentais para papéis originalmente asiáticos. Com japoneses no elenco, “Ghost in the Shell” tem enfrentado críticas por ser estrelado pela americana Scarlett Johnsson. Mas Hollywood parece não ligar para os fãs do material original, a não ser quando precisa explicar um desempenho ruim nas bilheterias – como, por exemplo, o “Caça-Fantasmas” feminino.

Ali vai se juntar à atriz Rosa Salazar (“Maze Runner: Prova de Fogo”), que viverá o papel-título, e Christoph Waltz (“Django Livre”), cujo personagem terá o nome americanizado. Outros atores contratados recentemente incluem Jackie Earl Haley (série “Preacher”), Ed Skrein (“Deadpool”) e Keean Johnson (série “Nashville”).

Nos quadrinhos, o cientista cibernético Dr Daisuke Ido resgata o corpo semidestruído da robótica Alita de um lixão. Após recuperá-la, ele descobre que, mesmo sem memórias, ela demonstra ser uma expert em artes marciais, e passa treiná-la para virar uma caçadora de recompensas.

Criado por Yukito Kishiro em 1990, o mangá foi adaptado por James Cameron, que escreveu a primeira versão do roteiro na década passada. Ele próprio pretendia dirigir o filme, mas perdeu o ímpeto ao mergulhar na megalomania das sequências de “Avatar”, até hoje em processo interminável de desenvolvimento.

Mesmo assim, Cameron vai produzir o filme, que acabou ganhando um título ligeiramente diferente do mangá original. “Battle Angel Alita” vai chegar aos cinemas como “Alita: Battle Angel”.

As filmagens serão financiadas pelo estúdio 20th Century Fox, com orçamento típico de filme de Cameron (entre US$ 175 e 200 milhões), mas ainda vão demorar muito para começarem. O início da produção está marcado apenas para 2017 e o longa recebeu previsão de lançamento para o dia 20 de julho de 2018.