Terror Fragmentado, de M. Night Shyamalan, lidera bilheterias dos EUA pela terceira semana

Terror Fragmentado, de M. Night Shyamalan, lidera bilheterias dos EUA pela terceira semana

 

O terror “Fragmentado”, de M. Night Shyamalan (“O Sexto Sentido”), manteve a liderança das bilheterias da América do Norte (EUA e Canadá) pelo terceiro fim de semana consecutivo, com US$ 14,5 milhões de arrecadação.

O filme já fez quase US$ 100 milhões apenas nos EUA. O mais impressionante é que foi filmado por apenas US$ 10 milhões e já tinha dado lucro em seus primeiros três dias de exibição. O próprio Shyamalan financiou a obra, para que pudesse manter o controle criativo e impedir interferência do estúdio. A fórmula foi a mesma de seu filme anterior, “A Visita” (2015), que custou US$ 5 milhões e rendeu US$ 98 milhões em todo o mundo, com uma fatia significativa do faturamento retornando diretamente para o diretor-produtor. “Fragmentado” já supera muito este montante, registrando US$ 142,7 milhões na soma da arrecadação de diversos países – menos do Brasil, que só verá o filme daqui a dois meses, em 23 de março.

Para ficar no topo, “Fragmentado” enfrentou uma disputa pavorosa com a volta da franquia “O Chamado”. O terceiro filme foi lançado após 12 anos de hiato e não empolgou. Destruído pela crítica (humilhantes 5% de aprovação), “O Chamado 3” fez somente US$ 13 milhões no fim de semana do super bowl, a final do campeonato de futebol americano.

O 3º lugar ficou com “Quatro Vidas de um Cachorro”, caindo uma posição em relação à semana passada. A produção parece ter superado a polêmica do vídeo de supostos maus tratos de um dos cães de sua história. Uma investigação comprovou que nenhum animal foi maltratado e que a edição do vídeo foi mal-intencionada.

Além de “O Chamado 3”, a semana também registrou a estreia do romance sci-fi juvenil “O Espaço Entre Nós”. Orçado em US$ 30 milhões, o filme implodiu com apenas US$ 3,8 milhões no 9º lugar e uma avaliação negativa de 18% no Rotten Tomatoes. A estreia no Brasil está marcada para 30 de março.

BILHETERIAS: TOP 10 América do Norte

1. Fragmentado
Fim de semana: US$ 14,5 milhões
Total EUA: US$ 98,7 milhões
Total Mundo: US$ 142,7 milhões

2. O Chamado 3
Fim de semana: US$ 13 milhões
Total EUA: US$ US$ 13 milhões
Total Mundo: US$ 28,2 milhões

3. Quatro Vidas de um Cachorro
Fim de semana: US$ 10,8 milhões
Total EUA: US$ 32,9 milhões
Total Mundo: US$ 42,5 milhões

4. Estrelas Além do Tempo
Fim de semana: US$ 10,1 milhões
Total EUA: US$ 119,4 milhões
Total Mundo: US$ 122,1 milhões

5. La La Land – Cantando Estações
Fim de semana: US$ 7,4 milhões
Total EUA: US$ 118,3 milhões
Total Mundo: US$ 268,3 milhões

6. Resident Evil 6: O Capítulo Final
Fim de semana: US$ 4,5 milhões
Total EUA: US$ 21,8 milhões
Total Mundo: US$ 117,4 milhões

7. Sing – Quem Canta Seus Males Espanta
Fim de semana: US$ 4 milhões
Total EUA: US$ 262,9 milhões
Total Mundo: US$ 487 milhões

8. Lion
Fim de semana: US$ 4 milhões
Total EUA: US$ 24,7 milhões
Total Mundo: US$ 38,8 milhões

9. O Espaço Entre Nós
Fim de semana: US$ 3,8 milhões
Total EUA: US$ 3,8 milhões
Total Mundo: US$ 3,8 milhões

10. xXx: Reativado
Fim de semana: US$ 3,7 milhões
Total EUA: US$ 40 milhões
Total Mundo: US$ 152,4 milhões

Comente

Marcel Plasse é jornalista, participou da geração histórica da revista de música Bizz, editou as primeiras graphic novels lançadas no Brasil, criou a revista Set de cinema, foi crítico na Folha, Estadão e Valor Econômico, escreveu na Playboy, assinou colunas na Superinteressante e DVD News, produziu discos indies e é criador e editor do site Pipoca Moderna