Divulgação/Netflix

Stranger Things: Criadores desenvolvem série derivada “muito diferente”

O sucesso de “Stranger Things” tem sido um verdadeiro fenômeno da Netflix desde seu lançamento em 2016. Não é à toa que, às vésperas da produção de sua temporada final, esteja prestes a ganhar uma série derivada.

Em uma entrevista ao podcast Happy Sad Confused, os criadores Matt e Ross Duffer confirmaram que têm uma nova aventura em mente, mas ela será “muito diferente” do que os fãs estão acostumados. Em outras palavras, a nova atração não deve contar com os personagens favoritos do público.

“Não está centrada em… eu li esses rumores de que haveria um spin-off de Onze, ou de Steve e Dustin”, disseram os Duffers. “Isso não é interessante para nós porque já fizemos tudo isso”.

Eles explicaram que já abordaram narrativas individuais sobre Onze, Steve, Dustin e outros que os fãs gostariam de ver em suas próprias séries. “Passamos não sei quantas horas explorando tudo isso”, justificaram.

Desta forma, a série derivada será “mil por cento diferente” de “Stranger Things”, tendo como conexão apenas a “sensibilidade narrativa”.

Eles também não pretendem escrever e produzir os episódios como fizeram com a série atual. Embora se digam “realmente animados” com a ideia, os criadores esperam “encontrar a pessoa certa para passar o bastão” e assumir a tarefa de showrunner.

Até o momento, os Duffer não contaram seus planos para o derivado nem mesmo para os executivos da Netflix. No entanto, revelaram no mês passado que o jovem ator Finn Wolfhard (o Mike) já adivinhou do que se trata.

“Achamos que todos – incluindo a Netflix – ficarão surpresos quando ouvirem o conceito, porque é muito, muito diferente. Mas, de alguma forma, Finn Wolfhard – que é um garoto loucamente inteligente – adivinhou corretamente sobre o que seria. Mas, fora o Finn, ninguém mais sabe!”, disseram.