Instagram/Rodrigo Mussi

Rodrigo Mussi volta a falar e caminhar, mas esqueceu “BBB”

O ex-BBB Rodrigo Mussi, que sofreu um grave acidente de carro em São Paulo no dia 31 de março, foi extubado, voltou a falar e a caminhar, mas apresenta perda de memória.

A atualização do quadro foi feita na tarde deste domingo (17/4) por Diogo Mussi, irmão do integrante do “BBB 22”, em entrevista coletiva em frente ao Hospital das Clínicas, em São Paulo, onde o influenciador segue internado.

Diogo explicou que a equipe médica tentava, há pelo menos uma semana, retirar o tubo de oxigênio que auxiliava na respiração de Rodrigo. No domingo passado (10/4), a tentativa resultou numa falência respiratória por um edema na glote, um inchaço causado pelo próprio tubo. Na quarta (13/4) foi iniciada uma nova tentativa, que foi concluída agora com sucesso.

“Tiraram o tubo, ele conseguiu responder bem e hoje ele está extubado, falando, andando com a ajuda da fisioterapeuta”, contou.

Apesar disso, Rodrigo continua na UTI.

“O que está segurando ele na UTI neste momento é a questão neurológica. Como ele vai respondendo, como vai melhorando aos poucos. E como ele teve vários sangramentos em várias partes do cérebro, essa resposta sobre sequelas já é mais difícil. Ele tem o déficit de memória, mas é natural pelo trauma que sofreu”, explicou Diogo.

Rodrigo não se lembra do acidente, esqueceu de ter visto o jogo São Paulo x Palmeiras no estádio do Morumbi, na noite da colisão, e lembra apenas vagamente de ter participado do reality show da Globo.

Diogo disse, ainda, que a confusão mental provocada pelo acidente fez com que Rodrigo perguntasse pelo pai, que faleceu há 11 anos.

Mas ele preservou a lembrança de ter encontrado a influenciadora e também ex-BBB Viih Tube no Lollapalooza. Os dois se aproximaram após a eliminação de Rodrigo e a youtuber participou em silêncio da entrevista coletiva.

“O raciocínio vai voltando, não dá para saber sobre sequelas. Sequela física é muito difícil, pelo fato de ele estar muito ativo, se mexendo o tempo todo. Então essa parte a gente está mais tranquilo”, afirmou Diogo.