Divulgação/HBO Max

“It’s a Sin” lidera indicações na principal premiação da TV britânica

A Academia Britânica de Artes Cinematográficas e Televisivas, conhecida pela sigla BAFTA, divulgou os indicados a seus prêmios televisivos de 2022, destacando a minissérie “It’s a Sin” com 11 indicações.

Criada por Russell T. Davies (“Doctor Who”), a atração se passa em 1981 e gira em torno de um grupo de amigos gays em Londres, durante o auge da epidemia de Aids. A produção britânica pode ser vista no Brasil pela plataforma HBO Max.

A segunda série com maior quantidade de indicações foi outra minissérie da HBO Max: “Landscapers”, estrelada por Olivia Colman (“A Filha Perdida”), com 7 nomeações.

O pódio se completa com “Sex Education”, produção da Netflix, que em sua 3ª temporada concorre em 5 categorias.

A premiação televisiva do BAFTA está marcada para 8 de maio, em Londres.

Confira abaixo os indicados nas categorias de séries da principal premiação da TV britânica.

MELHOR SÉRIE DRAMÁTICA
In My Skin
Manhunt: The Night Stalker
Unforgotten
Vigil

MELHOR MINISSÉRIE
It’s A Sin
Landscapers
Stephen
Time

MELHOR SÉRIE CÔMICA
Alma’s Not Normal
Motherland
Stath Lets Flats
We Are Lady Parts

MELHOR SÉRIE INTERNACIONAL
Call My Agent! (França)
Lupin (França)
Mare of Easttown (EUA)
Round 6 (Coreia do Sul)
Succession (EUA)
The Underground Railroad (EUA)

MELHOR ATRIZ
Denise Gough, por Too Close
Emily Watson, por Too Close
Jodie Comer, por Help
Kate Winslet, por Mare of Easttown
Lydia West, por It’s A Sin
Niamh Algar, por Deceit

MELHOR ATOR
David Thewlis, por Landscapers
Hugh Quarshie, por Stephen
Olly Alexander, por It’s A Sin
Samuel Adewunmi, por You Don’t Know Me
Sean Bean, por Time
Stephen Graham, por Help

MELHOR ATOR EM COMÉDIA
Jamie Demetriou, por Stath Lets Flats
Joe Gilgun, por Brassic
Ncuti Gatwa, por Sex Education
Samson Kayo, por Bloods
Steve Coogan, por This Time with Alan Partridge
Tim Renkow, por Jerk

MELHOR ATRIZ EM COMÉDIA
Aimee Lou Wood, por Sex Education
Aisling Bea, por This Way Up
Anjana Vasan, por We Are Lady Parts
Natasia Demetriou, por Stath Lets Flats
Rose Matafeo, por Starstruck
Sophie Willan, por Alma’s Not Normal

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Cathy Tyson, por Help
Céline Buckens, por Showtrial
Emily Mortimer, por The Pursuit of Love
Jessica Plummer, por The Girl Before
Leah Harvey, por Foundation
Tahirah Sharif, por The Tower

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Callum Scott Howells, por It’s A Sin
David Carlyle, por It’s A Sin
Matthew Macfadyen, por Succession
Nonso Anozie, por Sweet Tooth
Omari Douglas, por It’s A Sin
Stephen Graham, por Time