Divulgação/Warner Bros.

“Batman” já é maior bilheteria de 2022 nos EUA

Bastaram 10 dias para “Batman” virar a maior bilheteria do ano nos EUA e Canadá.

Só nos últimos três dias, foram US$ 66 milhões de arrecadação doméstica, que, somados ao faturamento desde a estreia em 4 de março, elevam o total norte-americano a US$ 238,5 milhões.

O valor supera a arrecadação de “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” em 2022. Considerando apenas a venda de ingressos a partir de 1 de janeiro, a coprodução da Sony e Disney/Marvel rendeu US$ 219,3 milhões.

Entretanto, o filme do herói da Marvel está bem à frente do herói da DC Comics no faturamento completo, quando entram na conta os US$ 572,9 milhões que conquistou em 2021. Ao todo, “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” soma uma impressionante bilheteria doméstica de US$ 792,2 milhões.

“Batman” também está tendo um excelente desempenho internacional. O longa estrelado por Robert Pattinson está prestes a se tornar o quinto filme desde o começo da pandemia a ultrapassar a marca de US$ 500 milhões de bilheteria mundial – após “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” (US$ 1,8 bilhão), “007 – Sem Tempo para Morrer” (US$ 774 milhões), “Velozes e Furiosos 9” (US$ 726 milhões) e “Venom: Tempo de Carnificina” (US$ 502 milhões).

Neste domingo (13/3), atingiu US$ 463 milhões globais, cinco dias antes de chegar na China, que disputa com os EUA a condição de maior mercado cinematográfico do planeta. A bilheteria chinesa deve impulsionar sua arrecadação para novos recordes.

Fora da América do Norte, os territórios em que “Batman” tem maior faturamento são Reino Unido (US$ 35 milhões), México (US$ 20,2 milhões) e Austrália (US$ 16,7 milhões).