Instagram/Shilpa Shetty

Atriz de Bollywood é inocentada de “obscenidade” 15 anos após beijo de Richard Gere

A Justiça da Índia inocentou a atriz Shilpa Shetty, estrela de Bollywood, das acusações de “obscenidade” que enfrentou depois que o ator Richard Gere a beijou em um palco de Delhi em 2007.

Imagens de 15 anos atrás mostraram o ator americano beijando a bochecha de Shetty em um evento de conscientização sobre a Aids em Delhi.

Na época, o beijo, bastante pudico e comum no Ocidente, virou um escândalo na conservadora sociedade indiana e desencadeou protestos de grupos radicais hindus que o consideraram um insulto aos valores indianos. Isto porque beijar em público é considerado tabu na Índia.

Richard Gere se justificou dizendo que tentava mostrar que beijar era um ato seguro, que não poderia levar à transmissão do HIV.

Um mandado de prisão contra o ator chegou a ser emitido, mas rejeitado pela Suprema Corte da Índia logo depois.

Mas Shetty ficou marcada e sua carreira implodiu. Considerada uma das maiores estrelas da indústria cinematográfica indiana, ela simplesmente deixou de ser escalada para filmes.

Com o prejuízo em sua vida pessoal e profissional, só agora, 15 anos depois, as acusações foram consideradas “infundadas”, com um tribunal indiano em Mumbai dando razão à equipe de advogados da atriz, dizendo que ela foi vítima de um “gesto indesejado”. A equipe jurídica da estrela argumentou que era injusto que Shetty fosse considerada “culpada” por não protestar o suficiente contra o beijo não combinado na época.

Apesar do escândalo ter custado sua carreira de atriz, Shilpa Shetty não ficou parada. No mesmo ano, ela se mudou para o Reino Unido e aproveitou o sensacionalismo gerado pelo caso para entrar no reality show Celebrity Big Brother, onde enfrentou bullying e insultos racistas, como a primeira atriz indiana do programa. Ao final, consagrou-se vencedora do reality show, conquistando o apoio do público britânico.

Depois disso, voltou à Índia consagrada e iniciou uma nova carreira como apresentadora de reality shows.