Instagram/Rainer Cadete

Rainer Cadete vence ação por danos morais contra a Record

O ator Rainer Cadete venceu uma ação por danos morais contra a Record. A indenização foi fixada em R$ 35 mil e dizem respeito a textos publicados no antigo blog da jornalista Fabíola Reipert no portal R7, entre 2014 e 2016.

Em sua ação, o ator, que atualmente está no ar em “Verdades Secretas 2” e na reprise da primeira temporada na Globo, alega que foi vítima de uma “campanha difamatória” com “matérias ofensivas, vexatórias que ridicularizam e violam sua intimidade insinuando que o autor é homossexual e que se aproveita disso para construir sua carreira”.

As matérias teriam sido “foram publicadas com o cunho de humilhar e debochar do autor [Rainer Cadete], sem nenhuma crítica, elogio ou constatação acerca de sua carreira”.

Nos textos citados, hà alusões ao fato de que Rainer “arrumou uma namorada para aparecer na mídia” e que “ganhou destaque em ‘Verdades Secretas’ por ser unha e carne com o autor Walcyr Carrasco”.

O advogado Ricardo Brajterman, que representou Cadete, disse à imprensa: “Meu cliente é um artista completo e formidável, que merece respeito como todo e qualquer cidadão. É inadmissível que um portal que se vende como sendo sério e ético, invente e alardeie mentiras para conquistar audiência, difamando pessoas íntegras e de boa reputação”.