Divulgação/Warner

Jared Leto pede “Ayer Cut” de “Esquadrão Suicida” na HBO Max

Jared Leto entrou na campanha pelo “Ayercut” de “Esquadrão Suicida”. O ator e cantor, que interpretou o Coringa no filme de 2016, fez sua defesa do lançamento da versão do diretor David Ayer na HBO Max, ao ser abordado pela revista Variety no tapete vermelho de “Casa Gucci”.

“Por que não? É para isso que serve o streaming, certo?”, disse o astro.

Ayer se empolgou com a declaração e postou o vídeo em suas redes sociais, retomando a campanha pelo lançamento de sua versão. “É exatamente para o que serve o streaming. Se você possui a propriedade intelectual e tem o mandato de monetizá-la para seus acionistas, isso é exatamente o que você faz”, destacou o diretor.

Embora tenha sido um sucesso de bilheteria, “Esquadrão Suicida” recebeu críticas muito negativas, após o filme frustrar quem se empolgou com os primeiros trailers. O motivo teria sido justamente a empolgação pelos trailers, que levou a Warner a encomendar uma nova edição do filme para refletir melhor o que estava nas prévias. A nova montagem trocou cenas de ordem, prejudicou o ritmo da narrativa, que ficou arrastada, eliminou vários minutos e comprometeu o sentido da trama.

Após a péssima repercussão do lançamento, o diretor ainda esperou um tempo, na esperança de fazer uma continuação. Mas quando James Gunn assumiu a franquia, decidiu deixar clara sua frustração e acusou o estúdio de alterar significativamente sua visão, que seria muito mais sombria. Sua versão também dava mais espaço para o Coringa de Leto, que ficou bastante reduzido no lançamento dos cinemas.

Só que a diretoria HBO Max, que lançou o “Snyder Cut”, a versão do diretor Zack Snyder de “Liga da Justiça”, já deixou claro que não pretende fazer o mesmo com “Esquadrão Suicida”.