Divulgação/The CW

Especial de fim do ano de “Os Waltons” bate recorde de audiência

A rede The CW atingiu sua maior audiência da temporada com a exibição de um especial de fim ano baseado numa das séries mais famosas dos anos 1970, “Os Waltons”.

Intitulado “The Waltons: Homecoming”, o especial marcou os 50 anos do telefilme “The Homecoming: A Christmas Story”, que estreou em dezembro de 1971 e apresentou a família Walton ao público da TV. A produção da época era para ser apenas um telefilme de Natal, mas fez tanto sucesso que a rede CBS decidiu continuar a história daquela família numa série, batizada de “Os Waltons”, que durou nove temporadas e gerou vários filmes subsequentes nas décadas de 1980 e 1990.

O sucesso do novo especial pode repetir a história. O presidente da CW, Mark Pedowitz, disse à imprensa norte-americana que consideraria aprovar uma série caso a produção tivesse boa audiência, retomando assim a atração criada por Earl Hammer Jr há 50 anos.

Primeiro telefilme feito pela rede mais nova de TV americana, “The Waltons: Homecoming” foi assistido por quase um milhão de pessoas ao vivo no domingo passado (29/11). Não parece muito, mas o domingo tem as piores audiências da CW, que, por sinal, não registrava público tão grande ao vivo desde abril passado – em qualquer dia da semana.

A produção destacou a narração de Richard Thomas, que marcou época ao interpretar o protagonista John Boy na série original. Longe de se aposentar, ele continua a trabalhar em séries de prestígio, como “The Americans”, “Billions”, “The Comey Rule” e, neste ano, “Tell Me Your Secrets”.

Já o novo John Boy, filho mais velho da família, foi vivido por Logan Shroyer (“This Is Us”). O elenco também contou com Bellamy Young (“Prodigal Son”) como a matriarca Olivia Walton e Ben Lawson (“Amigas para Sempre/Firefly Lane”) como o patriarca John Walton, além de Marcelle LeBlanc (“Rua do Medo 1978”) e vários atores mirins como os demais integrantes da numerosa família televisiva.

A trama é a mesma do telefilme original. A família se reúne em 1933 à espera da volta do patriarca John Walton, que se viu forçado pela depressão econômica a procurar trabalho em outro estado e talvez não consiga encontrá-los no Natal. Inconformada com a carta que traz essa notícia, Olivia envia o filho mais velho em busca do pai, numa jornada que muda a vida de John Boy para sempre.

Produzido pela Magnolia Hill Productions em associação com a Warner Bros. Television, o especial foi escrito por Jim Strain, dirigido por Lev L. Spiro e produzido por Sam Haskell, que trabalharam juntos na série “Dolly Parton: Tocando o Coração”, na Netflix.

Veja abaixo o trailer da atração.