Unsplash/Sayan Ghosh

Netflix atinge 214 milhões de assinantes no mundo

A Netflix superou suas previsões de crescimento no terceiro trimestre, adicionando 4,38 milhões de novos assinantes e alcançando cerca de 214 milhões em todo o mundo.

A receita correspondente a esse número representa um total de US$ 7,48 bilhões de arrecadação anual com assinaturas, 16% a mais que no ano passado.

“Após uma lista de conteúdo mais leve do que o normal no primeiro e segundo trimestres devido aos atrasos na produção por causa da pandemia em 2020, estamos vendo os efeitos positivos de lançamentos mais fortes no segundo semestre do ano”, escreveu a empresa em seu relatório trimestral aos acionistas.

A maioria dos novos assinantes vem da Ásia, onde a plataforma registrou recordes de audiência graças ao fenômeno de “Round 6”, enquanto a minoria vem dos EUA, onde obteve apenas 70 mil novos assinantes no trimestre.

O relatório ainda adiantou que a Netflix planeja uma grande mudança na forma como contabiliza sua audiência, passando a contabilizar as horas de visualização de conteúdo em vez da quantidade de assinantes que assistem aos conteúdos, numa métrica similar à feita pelos serviços que medem a exibição televisiva.

“Achamos que o engajamento, medido pelas horas visualizadas, é um indicador ligeiramente melhor do que o número de assinantes”, diz o comunicado. “Também coincide com a forma como os serviços externos medem a exibição de TV e dão o devido crédito para quando alguém assiste novamente. Além disso, começaremos a divulgar a audiência dos títulos com mais regularidade, fora de nossos relatórios financeiros, para que nossos membros e a indústria possam medir melhor o sucesso no mundo do streaming”.