Divulgação/Globo

Tiago Leifert anuncia saída da rede Globo

O apresentador Tiago Leifert anunciou que está deixando a Globo. A decisão foi comunicada após ele servir de tapa-buraco à frente do antigo “Domingão do Faustão”, entre a saída de Fausto Silva e a chegada de Luciano Huck no último domingo (13/9). Sua passagem foi extremamente bem-sucedida, mas não terá continuidade devido a outros planos da emissora.

Um dos grandes responsáveis pelo sucesso das últimas edições do “Big Brother Brasil”, Leifert começou na rede em 2004 como apresentador e editor na TV Vanguarda, afiliada da Globo no interior de São Paulo. Depois, chegou ao SportTV como repórter em 2006, mas logo virou editor-chefe do “Globo Esporte”, assumiu como apresentador e foi responsável pela mudança no formato do telejornal esportivo.

Seu estilo descontraído chamou atenção e o levou ao núcleo de entretenimento em 2012, como apresentador da versão brasileira do programa “The Voice”. Em 2015, assumiu o matinal “É de Casa”, além de ter comandado o “Central da Copa” em três Copas do Mundo de Futebol e o primeiro “The Voice: Kids”. Mas foi a partir de 2017, quando chegou no “Big Brother Brasil”, que ele realmente se consagrou, incorporando a alma do programa sem deixar a menor saudade do antigo apresentador.

À frente das últimas cinco edições do “BBB”, Leifer ajudou a produção a atingir suas maiores audiências. Além de ter popularizado bordões como “fogo no parquinho” e “textão não decide paredão”, contornou situações polêmicas, deu show de sensibilidade e consciência e entrou para o livro dos recordes mundiais, ao liderar a maior votação popular já registrada em um reality show do planeta.

Para completar sua trajetória, ele vai se despedir naquele que foi seu primeiro projeto no entretenimento na emissora, o programa “The Voice Brasil”.

“A ideia de parar surgiu no meio do ano passado e venho conversando com calma com a Globo desde então, esperando o momento ideal. E é agora!”, disse o apresentador em comunicado.

“A sensação é a de sair da casa dos pais para encarar o mundo”, continuou. “Eu cresci aqui, como pessoa e como profissional. Aliás, faz 20 anos que saí de casa para estudar nos EUA com a missão de um dia trabalhar na Globo. Eu consegui muito mais do que imaginava, e estou no momento perfeito, pessoal e profissionalmente, para encerrar esse capítulo que durou duas décadas. Tudo deu certo, foi lindo demais. Saio maduro, sem pressa, feliz e pronto para o mundo que está à minha frente. Aqui dentro construí uma história linda no esporte, onde pude criar novos estilos e narrativas, fazer parte de três Copas do Mundo e uma Olimpíada. No entretenimento, pude estar presente na implementação de quatro formatos e estar à frente de 16 temporadas de realities, uma paixão do Brasil e também minha. Mais lindo ainda foi comandar o ‘Big Brother Brasil’, um fenômeno apaixonante, do qual sempre fui fã, e que teve edições recentes consideradas históricas. Eu tenho um caso de amor com a Globo. E por isso saio com a absoluta certeza de que posso me dar esse tempo e de que vou continuar sendo bem-vindo aqui a qualquer momento. Meu muito obrigado a todos que estiveram comigo. E em especial ao público, que sempre me acolheu”.

Tiago Leifert apresentará a 12ª do “The Voice Brasil” na TV Globo até o dia 23 de dezembro e não revelou quais são seus planos para 2022.

Os novos apresentadores do “Big Brother Brasil” e do “The Voice Brasil” ainda serão definidos.

Com sua saída, completa-se a maior mudança já enfrentada na programação da Globo desde as saídas de Chacrinha e Sílvio Santos na década 1970. Mas enquanto os apresentadores históricos deixaram a emissora num intervalo de quatro anos, Tiago Leifert vai sair poucos meses depois de Fausto Silva, e em meio a uma mexida de grade que levou Luciano Huck a trocar de programa.

Apesar disso, não será surpresa nenhuma se a Globo anunciar que o substituto de Tiago Leifert será o recém-contratado Marcos Mion. Com experiência em reality shows, o antigo apresentador de “A Fazenda”, da Record, tem contrato apenas até dezembro para comandar o “Caldeirão”, antigo programa de Huck. Já o “BBB 22” vai começar em janeiro.