Divulgação/Apple TV+

Foundation: Vídeo detalha desafio de adaptar um dos maiores clássicos da sci-fi

A Apple TV+ divulgou um novo vídeo da série “Foundation”, com depoimentos do cocriador David S. Goyer (roteirista de “Batman: O Cavaleiro das Trevas”) e de vários integrantes do elenco sobre a adaptação épica e ambiciosa daquela que é considerada uma das principais obras da ficção científica mundial: “Fundação”, escrita nos anos 1950 por Isaac Asimov (1920-1992). Como Goyer lembra na prévia, a obra influenciou tudo o que veio depois, incluindo “Star Wars” e “Duna”, e a missão de adaptar o texto clássico foi um desafio histórico, após até a HBO desistir diante do preço.

Os livros “Fundação” (1951), “Fundação e Império” (1952) e “Segunda Fundação” (1953) foram inspirados pela queda do Império Romano e têm como pano de fundo um futuro em que a Via Láctea está sob o controle do Império Galáctico. Entretanto, o matemático Hari Seldon desenvolve uma fórmula que prevê que os dias do Império estão contatos. Ele descobre que a atual forma de governo vai entrar em colapso e mergulhar a humanidade numa era de trevas, na qual todo o conhecimento será perdido e o homem voltará à barbárie.

A descoberta o transforma em inimigo do Império e também origina um grupo conhecido como A Fundação, criado para preservar o conhecimento humano do inevitável apocalipse.

A adaptação foi desenvolvida por David S. Goyer em parceria com Josh Friedman (criador de “Emerald City”) e destaca os atores Jared Harris (“Chernobyl”) e Lee Pace (“Capitã Marvel”) como protagonistas. Harris interpreta o cientista Hari Seldon e Pace é Brother Day, o atual Imperador da galáxia.

O elenco também inclui Terrence Mann (“Sense8”), Alfred Enoch (“How to Get Away with Murder”), Lou Llobell (“Voyagers”), Leah Harvey (minissérie “Les Misérables”), Laura Birn (“Caçada Mortal”), Mido Hamada (“Counterpart”), Geoffrey Cantor (“Demolidor”) e Daniel MacPherson (“Strike Back”).

A trilogia literária original teve impacto tão grande que os fãs dos livros fizeram campanha para Asimov continuar a história, o que ele fez nos anos 1980 com “Limites da Fundação” (1982) e “Fundação e Terra” (1986), além de ter acrescentado dois prólogos à trama, “Prelúdio para Fundação” (1988) e o póstumo “Origens da Fundação” (1993). Ele também interligou vários outros trabalhos à saga, criando um universo estendido que cobre mil anos de História ficcional. E é este projeto ambicioso que a Apple decidiu adaptar.

Além de “A Fundação”, Issac Asimov também é conhecido por ter formulado as chamadas “leis da robótica” em outro de seus livros famosos, que já teve, inclusive, adaptação (bastante livre) de Hollywood: “Eu, Robô”, estrelado por Will Smith em 2004.

A série “Foundation” (o nome da série em inglês) estreia na sexta-feira, dia 24 de setembro.