Divulgação/Paramount

Diretor de “WandaVision” vai comandar novo filme de “Star Trek”

Depois de comandar a série “WandaVision”, que conquistou 23 indicações ao Emmy 2021, Matt Shakman fechou contrato para dirigir o próximo filme da franquia “Star Trek”.

A produção da Paramount e da Bad Robot, de JJ Abrams, ganhou tração e vai entrar rapidamente em pré-produção para começar a ser filmada na primavera norte-americana (nosso outono) de 2022.

Depois de muitas idas e vindas, os produtores têm um roteiro que finalmente agradou a todos. E o detalhe é que se trata do primeiro roteiro cinematográfico da franquia escrito por mulheres: Lindsey Beer (“Sierra Burgess É uma Loser”) e Geneva Robertson-Dworet (“Capitã Marvel”).

Desde o lançamento do último longa, “Star Trek: Sem Fronteiras”, em 2016, a veterana saga espacial ensaiou virar filmes de Quentin Tarantino (“Era uma Vez… em Hollywood”) e Noah Hawley (criador de “Fargo” e “Legion”), mas o primeiro desistiu após entusiasmar JJ Abrams e o segundo não teve a abordagem aprovada.

A esta altura, não está claro se o elenco do reboot de 2009 voltará na nova produção. A morte do ator Anton Yelchin, após completar “Star Trek: Sem Fronteiras”, pode ter determinado a aposentadoria da formação com Chris Pine, Zachary Quinto, Zoe Saldana, Karl Urban, Simon Pegg e John Cho.

Além disso, a série “Star Trek: Discovery” lançou um novo intérprete do Sr. Spock, Ethan Peck, que agradou mais que Zachary Quinto no papel. O Spock de Peck será visto a seguir na nova série “Star Trek: Strange New Worlds”, prevista para 2022, que se passa antes dele se juntar com o Capitão Kirk na nave Enterprise.

Ainda sem título, o novo filme de “Star Trek” será apenas a segunda incursão de Matt Shakman no cinema. A anterior foi “Cut Bank: Assassinato por Encomenda”, do já distante ano de 2014.

O diretor veio do teatro no início do milênio e já comandou várias séries, de “Lances da Vida” (One Three Hill) a “Game of Thrones”. Ele acabou ganhando reconhecimento do Emmy com o piloto de “The Great”, no ano passado, e está novamente na disputa do troféu da Academia de Televisão em 2021 após assinar todos os nove episódios de “WandaVision”.